Polí­tica

Foto: Divulgação

O senador Ataídes Oliveira (PSDB/TO) foi designado relator da comissão mista da medida provisória que permite os saques de contas inativas do FGTS até 31 de dezembro de 2015.  Os recursos começam a ser liberados nesta sexta-feira, 10, e vão beneficiar mais de 30 milhões de trabalhadores. A MPV 763/2016 também autoriza a distribuição de parte do lucro do FGTS com os trabalhadores.

 “Essa é uma medida excelente, tomada de forma responsável e competente pelo governo Temer”, ponderou o presidente do PSDB/TO, lembrando que a liberação dos recursos do FGTS vai injetar mais de R$ 30 bilhões na economia.

Calendário

“É um rio de dinheiro do trabalhador, que estava represado com rendimento ínfimo, e que vai ajudar a gerar mais empregos e renda para os brasileiros”, completou Ataídes Oliveira. A expectativa do parlamentar é que a MP 763 seja aprovada até meados de abril.

Nesta primeira etapa, têm direito a sacar recursos do FGTS trabalhadores que fazem aniversário nos meses de janeiro ou fevereiro e que pediram demissão ou foram dispensados por justa causa até 31 de dezembro de 2015.  De acordo com a Caixa Econômica Federal, 4,8 milhões de pessoas integram esse primeiro grupo.

Os pagamentos ocorrerão até julho. Dúvidas podem ser esclarecidas no site da Caixa Econômica Federal www.caixa.gov.br/contasinativas.

Presidente do PSDB Jovem de Araguatins

O senador Ataídes Oliveira lamentou nessa quinta-feira morte do presidente do PSDB Jovem de Araguatins, Marcos Suel Balbino, 20 anos.

O jovem morreu após levar um choque elétrico e cair de uma altura de cerca de três metros. Marcos Suel era instalador de internet e estava fazendo uma instalação rotineira em uma residência em Araguatins, quando sofreu o acidente, por volta das 14 horas desta quinta-feira.

O rapaz ainda foi levado com vida ao hospital municipal da cidade, mas não resistiu aos ferimentos e faleceu logo após.

Marcos Suel presidia o PSDB Jovem em Araguatins desde 2016. O tucano tinha como características a capacidade de comunicação e a luta pela defesa dos ideais do partido.

“Eu lamento profundamente esse trágico acidente do nosso tucaninho Marcos Suel. Peço a Deus para acalentar o coração de seus pais, irmãos e demais familiares. É uma pena, um jovem que partiu e que representava o presente e o futuro do nosso País”, comentou Ataídes Oliveira.

Por: Redação

Tags: Ataídes Oliveira, FGTS, Senado