Polí­tica

Foto: Divulgação

A comissão mista responsável pela análise da Medida Provisória 763/16 aprovou, nesta última quinta-feira, 11, relatório do senador Ataídes Oliveira (PSDB/TO) a favor da liberação do saque do dinheiro de contas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) que estavam sem movimentações até 31 de dezembro de 2015. O texto também prevê a distribuição de parte do lucro do Fundo para os trabalhadores e aumenta a rentabilidade da conta.

O senador Ataídes explicou que a iniciativa deve beneficiar mais de 30 milhões de pessoas e injetar cerca de R$ 35 bilhões na economia. “Esse dinheiro representa um alívio para o trabalhador brasileiro, tão penalizado com a crise econômica. Também já está ajudando a recuperar o comércio, como mostram os últimos indicadores”, salientou.

O mais importante, para o parlamentar tocantinense, é que o aquecimento da economia com a MP 763 vai permitir a geração de mais renda e emprego. A medida ainda tem que ser aprovada nos Plenários do Senado e da Câmara dos Deputados.