Esporte

Foto: Abdon Barbosa

"Para mim foi uma grande surpresa, tinha muita gente boa e nossas condições de treinamento ainda não são as mais adequadas, mas nossos resultados mostraram que estamos no caminho certo". Foi o que disse o responsável pela Escolinha Gol de Placa, Adriano Guimarães, campeã nas categorias Sub-11 e Sub-17 e vice na Sub-15 e Sub-19, na 4ª edição da Copa Norte de Futebol de Base. O campeonato finalizou na última sexta-feira, 21, no Estádio Gauchão.

Os garotos do Sparta de Araguaína também tiveram participação de destaque na competição. Coordenados por Fernando Brasília, os meninos do CT Tiro de Guerra conquistaram o título na categoria Sub-19 e ficaram em segundo lugar na categoria Sub-17. O Sparta participou da competição em cinco categorias.

Outra agremiação de destaque na Copa Norte de Futebol de Base foi a equipe do JV Lideral, da cidade de Imperatriz-MA. Os garotos do Maranhão conquistaram o título na categoria Sub-15 e foram vice-campeões na categoria Sub-13.  "A competição não foi fácil, estamos felizes por conseguir chegar a duas finais, parabéns à todos pela competição. Quando se trata de criança ou adolescente envolvidos no esporte, todos ganham", destacou o coordenador do JV Lideral MA, Cássio Kenedy.

Com a conquista do título de campeã na categoria Sub-13, a escolinha M 10 da cidade de Balsas-MA coroou a festa dos campeões da copa. O atleta João Pedro, de 13 anos, escolhido o melhor da competição na sua categoria. O garoto mora em um povoado e tem que andar mais de 15 km para realizar os treinamentos na escolinha que fica na cidade.  

"Amo o que faço, pra mim não há distância. Sonho em ser um grande jogador e futebol profissional, quero poder dá uma vida melhor para meus pais e meus irmãos, sonho com isso", contou o garoto.

Mais de 40 equipes

A 4ª Copa Norte de Futebol de Base foi realizada sob a coordenação da Sociedade Desportiva Sparta em parceria com a W J Produções e Eventos, com o apoio da Prefeitura de Araguaína. O maior evento esportivo da categoria na região contou ainda com a presença do observador técnico do Palmeiras, de São Paulo, Carlos Saldanha, e a participação de mais de 40 equipes.

Durante os quatro dias de competição, foram realizados mais de mais de 60 jogos. Com a bola rolando os garotos assinalaram mais de 180 gols. Além de troféus e medalhas, os campeões foram premiados também com dinheiro. A organização da competição distribuiu R$ 7 mil em premiação.

"O maior valor é a formação do caráter desses meninos. Queremos ver grandes vencedores na vida, não só no futebol, mas no dia a dia, na obediência à família, respeitando o próximo, e claro com disciplina e foco se tornar um jogador de futebol", analisou Fernando Brasília, idealizador do evento.