Polí­cia

Foto: Divulgação

A Polícia Civil do Tocantins, por intermédio da Delegacia de Araguatins, com apoio de policiais civis da Delegacia de Tucumã/PA deflagrou uma operação de combate à criminalidade, a qual resultou na prisão de Jedeilson de S. S., vulgo “Buchudo”, 30 anos de idade, no final da manhã desta última quarta-feira, 26.

Ele é o principal suspeito ter cometido o homicídio com arma de fogo, que vitimou João Marcos Pinheiro, crime ocorrido na noite do dia 11/04/2017, em Buriti do Tocantins, e foi capturado, mediante o cumprimento de mandado de prisão preventiva, quando se encontrava escondido no município paraense.

Conforme o delegado Edson José Lobato Borges, responsável pelo caso, após cometer o crime, Buchudo fugiu para o interior do Pará e levava uma vida normal, até então. Todavia, através de trabalho investigativo, os policiais civis da 10ª DRPC conseguiram localizar o paradeiro do homicida e, desta maneira, o delegado representou, junto ao Poder Judiciário da Comarca de Araguatins, pelo mandado de prisão preventiva de Jedeilson, o qual foi deferido e cumprido, na manhã desta quarta-feira.

Inicialmente, Buchudo foi recolhido na carceragem da cadeia de Tucumã - PA e, dentro em breve, será recambiado para Araguatins TO, a fim de que responda pelo crime pelo qual é acusado.