Campo

Foto: Divulgação Suplementação mineral em bloco será apresentada durante a InterCorte Suplementação mineral em bloco será apresentada durante a InterCorte

Conhecida nos anos 90 como Capital do Boi Gordo, a cidade de Araguaína/TO, recebe pelo quarto ano uma etapa da InterCorte, evento que percorre de forma itinerante alguns dos principais polos de pecuária brasileiros para levar informação, debates e tecnologia aos produtores. A edição de 2017 da InterCorte em Araguaína será realizada nos dias 18 e 19 de outubro, no Parque de Exposições Dair José Lourenço. 

Com o tema principal “Entender para Atender”, o evento reúne diferentes elos da cadeia de produção da pecuária para debater ideias e soluções para a produção de carne de qualidade. Serão dois dias de palestras, apresentações de casos de sucesso e debates, divididos em quatro painéis que abordam aspectos relevantes para o desenvolvimento da pecuária nacional: Sustentabilidade, Cria, Intensificação e Carne de Qualidade. Uma das atrações da edição deste ano da InterCorte é a realização ao vivo da desossa de um traseiro e de um dianteiro durante o debate final de cada dia de evento. 

Promovida pelo Terraviva Eventos e pelo Sindicado Rural de Araguaína, a edição deste ano da InterCorte no estado conta com o apoio do Sebrae Tocantins que estará presente no evento com estande, com a participação de empresas parceiras da entidade que desenvolveram ferramentas direcionadas à gestão de negócios, que serão apresentadas aos pecuaristas. 

“Nossa participação no evento tem como principal objetivo mostrar aos produtores que o Sebrae possui soluções e serviços que podem auxiliar no aumento da eficiência e produtividade das fazendas. As tecnologias estão cada dia mais presentes no dia a dia, facilitando a gestão e melhorando os resultados. Nosso papel é aproximar essas inovações dos pecuaristas”, afirma o superintendente do Sebrae TO, Omar Hennemann. 

A entidade ainda será uma das organizadoras das demonstrações de desossa, que serão realizadas nos dois dias do evento, ao final dos debates que finalizam a programação diária de palestras. “Especialistas em carnes farão demonstrações de cortes especiais de carne bovina, que serão servidas aos participantes durante a Beef Hour. Será uma grande confraternização com a carne de Tocantins”, destaca Omar. 

Programação

O primeiro bloco dedicado à Sustentabilidade terá início com a palestra “A atuação do GTPS na cadeia de valor da Pecuária”, ministrada pela coordenadora executiva do Grupo de Trabalho da Pecuária Sustentável (GTPS), Beatriz Domeniconi, seguida da apresentação de Maurício Carvalho, do Mapa, sobre o Plano ABC e a Pecuária de Baixa Emissão de Carbono: geração de valor na produção intensiva de carne e “Geração de renda a partir dos dejetos da Pecuária”, apresentada por Fabiano Coser.

O segundo bloco sobre Intensificação terá como palestra principal a apresentação do pesquisador Thiago Carvalho, do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada - CEPEA-Esalq/USP, com a palestra “Intensificar para produzir”. O painel ainda conta com as palestras “Intensificação da produção em pastagens: conceitos e ferramentas”, ministrada por Leonardo Simões de Barros Moreno e “Manejo da fertilidade do solo para alta produtividade”, apresentada por Maurício Bassani.

No segundo dia do evento, o bloco Cria terá a palestra da zootecnista Juliana Ferragute Leite com o tema “Eficiência Reprodutiva e Produtiva - Como viabilizar a cria” e a apresentação “Touros melhoradores: garantia de qualidade na produção de bezerros de corte” por Antônio Rosa.

O último bloco sobre Qualidade da Carne terá a palestra do professor da Unicamp e um dos maiores especialistas em qualidade de carne, Pedro de Felício, com o tema “A cadeia produtiva e a carne de qualidade”, além da apresentação de casos de sucesso no Estado.

A InterCorte tem a curadoria de conteúdo da Assocon – Associação Nacional da Pecuária Intensiva e do GTPS – Grupo de Trabalho da Pecuária Sustentável. O evento ainda com uma feira de negócios com a participação de empresas de referência na pecuária, que levam suas novidades tecnológicas ao produtor. Estarão presentes no evento em Araguaína as empresas Ourofino, Minerva Foods, Cargill-Nutron, Matsuda, Romancini, SBC Certificadora, Beckhauser, Brutale, Toledo do Brasil, Casale, ABCT – Associação Brasileira dos Criadores de Tabapuã, CRI Genética, DeltaGen, Wolf Seeds, Rubber Tank, ABCB Senepol, Oro Agri, Belgo, Multibovinos, Minerthal e JA Saúde Animal. 

Suplementação

A Minerthal, uma das tradicionais fabricantes de suplementos para bovinos de corte e leite, apresenta durante a etapa da InterCorte o MinerBlock, uma linha de suplementos minerais em bloco que busca ajudar os pecuaristas a superar algumas dificuldades do dia a dia das fazendas.

A linha MinerBlock é composta por suplementos em blocos retangulares de 25 kg que se apresentam como uma solução para alguns dos principais problemas do dia a dia das fazendas, como a falta de estrutura de cocho, dificuldades de acesso aos locais de fornecimento de suplementos e intempéries de clima, como ventos e chuvas. Fazem parte da linha MinerBlock cinco produtos com aditivo melhorador de desempenho.

As principais vantagens do suplemento em bloco para o pecuarista são a baixa frequência de reposição de suplemento, uma vez por semana ou a cada 10 dias, poupando custos com mão de obra e combustível; simplicidade de utilização e de transporte, pois basta retirar o produto da caixa de papelão e colocar em uma superfície protegida no pasto (sob um estrado, tábua, lona, tambor etc.) e a possibilidade de mudança no local de fornecimento do suplemento, o que facilita o manejo, diminuindo as áreas de sub pastejo. Além disso, o formato em bloco faz com que as perdas por chuva e vento sejam reduzidas em comparação com o suplemento em pó convencional, o que representa menos desperdício de produto e preservação das qualidades nutricionais.

Mais informações em: http://intercorte.com.br/araguaina 

Sobre a InterCorte

Desde a sua criação em 2012, a InterCorte já contou com a participação de mais de 27 mil pessoas, a maior parte pecuaristas, em eventos que percorrem algumas das principais regiões pecuárias do País para levar informação, conhecimento e tecnologia. Enquanto o setor produtivo se reúne, o consumidor é convidado a apreciar o resultado à mesa com a Beef Week, com a participação de restaurantes que preparam pratos com carne bovina.

Em 2017, o evento ocorreu em Cuiabá (MT) em março, Ji-Paraná (RO) e Campo Grande (MS) em julho e, na próxima semana, em Araguaína (TO), finalizando em São Paulo (SP) em novembro.