Cultura

Foto: Divulgação

O Aperitivo Sonoro do Tênis Sesc da próxima sexta-feira, 27, irá apresentar o suingue de Braguinha Barroso e o samba rock da banda Black Bamba. Tudo isso a partir das 19 horas no Jardim Aureny III. A entrada é gratuita. 

Um projeto musical que oferece semanalmente um happy hour como opção de cultura e lazer aos comerciários, dependentes e usuários, o Aperitivo Sonoro do Sesc une a boa música popular brasileira e o incentivo à classe artística musical. Assim, apresenta músicos e grupos de variados níveis, promovendo diversidade e rotatividade na sua programação. O Projeto já é referência de um espaço físico adequado, com uma plateia cativa e participativa em Palmas.

Braguinha Barroso

Papa de festivais e estradeiro musical desse imenso país, Braguinha Barroso possui uma trajetória independente e autoral. Sebastião Barroso Sampaio, seu verdadeiro nome, é natural de Tocantinópolis (TO) mas reside em Palmas desde o início da capital. Eternizou a história desse município com o hino "Canção de Amor à Palmas", feita em parceria com Neusinha Bahia. Além de rodar o Brasil pelos festivais, já morou em Carolina (MA), Araguaína (TO) e Goiânia (GO). Possui lançados os CDs “Indez” (2009), “Estrela de Muquém” (2011) e “Cafuné – na batida, na levada do catirandê” (2013), que tem a música “Catirandê” – tema da novela “Araguaia”, da TV Globo, na voz de Taís Guerino.

Black Bamba

É uma banda que surgiu devido à carência de samba rock na capital do Tocantins. É composta de quatro integrantes: Alex Bruquetes no baixo, Thiago Lubambo no violão e voz, Luiz Meneses na percussão e Tharson Lopes na bateria. Tem como proposta resgatar músicas tradicionais dos antigos bailes paulistas, como Jorge Ben, Di Mello, Bebeto entre outras referências mais atuais como Seu Jorge e Igor carvalho. O grupo mistura toques de maracatu às suas músicas, fundando assim um novo estilo musical que eles definem como Samba Mangue.