Estado

Foto: Divulgação Prêmio distribuirá R$ 195 mil a projetos de pesquisa tecnológico, econômico e ambiental Prêmio distribuirá R$ 195 mil a projetos de pesquisa tecnológico, econômico e ambiental

Estão abertas até 20 de junho as inscrições para o Prêmio Professor Samuel Benchimol 2008, iniciativa do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior e da Confederação Nacional da Indústria (CNI).

As inscrições podem partir tanto de instituição do setor público como do privado. Os interessados podem apresentar projetos de pesquisa nas categorias “social”, “ambiental” e “econômica e tecnológica”, sendo que o valor da premiação para cada categoria será de R$ 65 mil.

O objetivo da premiação é estimular, identificar e divulgar projetos de pesquisas, invenções, arranjos tecnológicos e empreendimentos que contribuam para o desenvolvimento sustentável da região amazônica.

O julgamento dos trabalhos ocorrerá no dia 16 de setembro. A entrega do prêmio será realizada no dia 7 de outubro em solenidade na Federação das Indústrias do Estado do Tocantins, em Palmas. O tema central do prêmio é “Tecnologias para o desenvolvimento sustentável da Amazônia”.

O pesquisador, escritor e empresário Samuel Isaac Benchimol (1923-2002), nascido em Manaus, foi professor emérito da Universidade Federal do Amazonas, presidente do Comitê Israelita do Amazonas e um dos fundadores do grupo Bemol-Fogás.

Autor de mais de uma centena de livros relacionados à vida, economia e sociedade da região, Benchimol foi ferrenho defensor da necessidade de que o desenvolvimento sustentável da Amazônia devesse respeitar quatro parâmetros e paradigmas fundamentais: ser economicamente viável, ecologicamente adequado, politicamente equilibrado e socialmente justo.

O prêmio é promovido em parceria com a Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa), Banco da Amazônia e as Federações de Indústrias da Região Amazônica.

Mais informações: www.amazonia.desenvolvimento.gov.br/

 

Da redação com informações Agência Fapesp

Por: Redação

Tags: Estado, Pesquisa, Samuel Benchimol