Economia

Os dados do SPC (Serviço de Proteção ao Crédito) administrados pela CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas) de Palmas mostram que a eleição municipal, com três candidatos com chances de vitória, provocou um aquecimento na economia da Capital.

Ao todo, o total de consultas ao sistema feitas pelos lojistas cresceu 5,1% em setembro deste ano, na comparação com o mesmo mês do ano passado. Em 2008, foram 20.641 consultas no mês, contra 19.635 de setembro do ano passado.

Além disso, o número de pessoas que conseguiu limpar o seu nome e, desta forma, sair do registro de inadimplentes teve um aumento muito considerável, de 32,1%. Em 2007, setembro contou com 2.453 pessoas nessa condição, enquanto agora foram 3.241.

“Os números mostram que a disputa acirrada pela capital, colocou mais dinheiro no mercado e melhorou a vida do comércio. Com três candidatos contratando pessoas, a circulação de dinheiro aumentou, o que foi muito positivo”, ressaltou o presidente da CDL, Sílvio Cunha.

Por outro lado, o número de CPFs inscritos no cadastro de inadimplentes também teve um acréscimo em relação a setembro do ano passado. O aumento foi de 13,7%. Em 2008, foram 4.173 CPFs inscritos na lista de inadimplentes, enquanto que em 2007 tinha sido 3.671.

O número de CPFs não representa, necessariamente, a quantidade de pessoas que é inscrita no cadastro de devedores. Isso porque o mesmo CPF pode ter mais de uma divida e ser registrado duas vezes.

 

Fonte: Assessoria de imprensa CDL

Por: Redação

Tags: CDL Palmas, Economia, Eleição, Silvio Cunha, SPC