Ciência & Tecnologia

Um estudo conduzido pela IBC (Independent Film Channel) e pelo instituto Zogby International durante as eleições presidenciais dos EUA revela que a maioria dos norte-americanos considera a cobertura jornalística pela web mais confiável do que em outras mídias eletrônicas. Cerca de 3.500 pessoas foram entrevistadas durante os dois dias seguintes às eleições presidenciais nos EUA.

Dos entrevistados, 36,5% afirmaram que acham a internet mais confiável como fonte de notícias. A televisão, por sua vez, é a preferência de 20,3%, enquanto 16% vêem que o rádio é o meio de comunicação mais seguro.

Segundo a pesquisa, 72,6% disseram acreditar que as notícias que lêem são prejudicadas pela influência de opiniões. Quase 75% dizem que a cobertura da mídia influencia no resultado das eleições presidenciais. Dentre republicanos, democratas e independentes, 93,9% afirmaram que Barack Obama recebeu mais atenção dos meios de comunicação do que John McCain. Apenas 4,1% dos pesquisados alegou o inverso.

Quanto às mídias eletrônicas, 80% dos entrevistados disseram que a televisão não é um meio de informação confiável - o rádio ficou com um índice de rejeição de 84%. Com relação à Guerra do Iraque, 73,2% disseram que a mídia não deu uma cobertura real sobre o que aconteceu no conflito.

A pesquisa foi realizada em todas as regiões dos EUA com pessoas que votaram no pleito de 2008.

Fonte: Folha Online

Por: Redação

Tags: Internet, Mundo Digital