Estado

Foto: Loise Maria

O governo do Tocantins vai efetuar o pagamento de R$ 2,2 milhões para continuação de obras de programas habitacionais em 15 municípios tocantinenses. O governador Carlos Henrique Gaguim autorizará o pagamento nesta terça-feira, 8, às 5h30 da manhã, na sala vip do aeroporto de Palmas, durante a solenidade de transferência do cargo de governador para o vice-governador Eduardo Machado, antes de embarcar em missão oficial ao exterior.

Segundo Carlos Gaguim, os recursos são contrapartidas estaduais dos programas Cheque Moradia e Pró-Moradia e representam um compromisso com a população menos favorecida do Estado. “Autorizamos o pagamento das contrapartidas do Estado para que as obras não fiquem paralisadas. Não temos tempo a perder e a população carente necessita desses benefícios, que na maioria são casas populares”, disse o governador.

Para o programa Cheque Moradia, realizado em parceria com o governo federal e municípios, o governo estadual autorizou o pagamento de 362 cheques, dos quais 231 são para a modalidade Reforma e 131 para Construção. Os recursos para construção e reforma das unidades habitacionais somam R$ 1,024 milhão e beneficiam os seguintes municípios: Ananás, Araguacema, Araguaína, Augustinópolis, Lavandeira, Nova Rosalândia, Palmas, Pium, Rio Sono e Sítio Novo.

Já para o programa Pró-Moradia, também executado em parceria com o governo federal, o governo do Estado autorizou o pagamento de R$ 1,266 milhão para obras nos municípios de Ananás, Bom Jesus do Tocantins, Cariri, Palmeirópolis, São Bento e Talismã. (Aquiles Lins)

Veja o investimento do governo estadual em cada município:

Cheque Moradia

Ananás: 60 Cheques Moradia (Reforma) – R$ 105 mil

Araguacema: 25 Cheques Moradia (Construção) – R$ 187,5 mil

Araguaína: 56 Cheques Moradia (30 Reforma e 6 Construção) – R$ 110 mil

Augustinópolis: 40 Cheques Moradia (Construção) – R$ 150 mil

Lavandeira: 15 Cheques Moradia (Construção) – R$ 115 mil

Nova Rosalândia: 40 Cheques Moradia (Reforma) – R$ 70 mil

Palmas: 25 Cheques Moradia (Construção) – R$ 110,2 mil

Pium: 31 Cheques Moradia (Reforma) – R$ 54,2 mil

Rio Sono: 30 Cheques Moradia (Reforma) – R$ 52,5 mil

Sítio Novo: 40 Cheques Moradia (Reforma) – R$ 70mil

Total: R$ 1,024 milhão

Pró-Moradia

Cariri: R$ 238,2 mil

Ananás: R$ 233 mil

Talismã: R$ 200 mil

Bom Jesus do Tocantins: R$ 234 mil

São Bento: R$ 107 mil

Palmeirópolis: R$ 254,3 mil

Total: R$ 1,266 milhão

Fonte: Secom

Por: Redação

Tags: Carlos Gaguim, Estado, Habitação