Geral

Foto: Divulgação

Inspecionar o funcionamento dos serviços prestados pelo Judiciário à população. Esse é o principal objetivo da Correição Ordinária que começou a ser realizada hoje (22/02), pela Corregedoria-Geral de Justiça, na Comarca de Palmas. Pela manhã, houve a abertura dos trabalhos em solenidade que contou com a presença do corregedor-geral de justiça do Tocantins, desembargador Bernardino Lima Luz, e da diretora do fórum da Capital, juíza Ângela Prudente. O promotor de justiça Fábio Lang representou, na ocasião, o procurador-geral de justiça Clenan Renaut de Melo Pereira.

O corregedor-geral de Justiça explicou que a ação é rotineira na corregedoria, a fim de verificar como está o trabalho do Judiciário e repassar orientações aos Servidores. O desembargador informou que o órgão faz um cronograma no qual são realizadas, pelo menos, dez correições ordinárias por ano. Visando não prejudicar o andamento dos trabalhos nas Comarcas, Bernardino Luz destacou que a corregedoria conta com uma equipe especializada para realizar o serviço.

Para a diretora do fórum, as correições são de suma importância, pois além de fiscalizar e orientar os servidores oportuniza o saneamento de possíveis dificuldades encontradas nas Comarcas. Na oportunidade, a juíza ressaltou o trabalho sério e digno que vem sendo desenvolvido pelo desembargador Bernardino Luz à frente da corregedoria. O desembargador, por sua vez, agradeceu, destacando que o mérito não pertencia apenas a ele, mas a toda equipe do órgão que vem desempenhando um trabalho de qualidade. Ele retribuiu o elogio, enfatizando que a Ângela serve de modelo no que diz respeito à administração. O corregedor encerrou a solenidade colocando à disposição dos magistrados e servidores a estrutura da corregedoria.

A Capital é a segunda cidade, este ano, a receber a equipe da corregedoria, que no início do mês esteve realizando correição na comarca de Araguaina. Em Palmas, o trabalho segue até sexta-feira (26/02), quando estarão sendo inspecionadas as Varas Judiciais, os Cartórios Extrajudiciais e as delegacias de polícia.

Ainda neste semestre estão previstas correições nas comarcas de Itaguatins, Tocantinópolis, Miranorte, Arapoema, Aurora, Taguatinga, Araguaçu, Alvorada, Pedro Afonso, Guaraí, Wanderlândia, Colinas, Dianópolis e Almas.

Fonte: Ascom do Fórum de Palmas