Estado

O Governo do Tocantins efetiva a liberação, simultaneamente aos 139 municípios do Estado, nesta quarta-feira, 28, das 480 motocicletas que irão reforçar o trabalho de policiamento ostensivo desenvolvido pela Polícia Militar do Tocantins (PM-TO). No total, são 30 motos com motor de 650 cilindradas, 300 motos de 125 cilindradas e outras 150 unidades com motor de 150 cilindradas.

De acordo com o comandante geral da PM-TO, coronel Benvindo Sousa Sobrinho, a nova frota tem grande importância para a garantia do cumprimento do dever da polícia, pois os veículos irão facilitar e agilizar o deslocamento da PM no atendimento às ocorrências. O coronel destacou, ainda, que o transporte com as motos reduz os gastos com combustíveis, o que também é positivo para a corporação.

“As motos trarão mais agilidade, além de auxiliar no policiamento ostensivo e no reforço da fiscalização do trânsito em todo o Estado. A nossa meta é diminuir significativamente o número de acidentes de trânsito no Tocantins, além das outras ocorrências habituais”, pontuou Benvindo.

Entre os trabalhos desenvolvidos pela PM para atingir tal meta, está a capacitação de 40 policiais de Palmas para atuarem especificamente em ações educativas no trânsito da Capital.

Rodovias

Das motos, 24 unidades de maior potência (650 cilindradas) serão destinadas aos postos de fiscalização do Dertins e PM-TO nas rodovias estaduais. As outras seis motos serão alocadas na Capital. “Além de reforçar o policiamento nas ruas, pretendemos aumentar a fiscalização nas rodovias estaduais e as motos serão de extrema importância para a consolidação desse trabalho, que busca reduzir acidentes de trânsito no Tocantins, pois dão agilidade para a PM”, esclarece Benvindo.

As 480 motos serão distribuídas conforme a necessidade de cada Batalhão, posto da Companhia Independente de Polícia Militar Ambiental (Cipama) e Companhia Independente de Polícia Militar de Trânsito (Citran).

Fonte: Secom

Por: Redação

Tags: Coronel Benvindo, Estado, Polícia Militar