Polí­tica

Foto: Ises Oliveira

Em sessão ordinária no Pleno do TRE na manhã desta sexta-feira, 30, definiram por finalizar o julgamento do mandato do deputado estadual Manoel Queiroz (PPS) na próxima segunda-feira, 2 de agosto.

O julgamento do processo havia sido suspenso depois de uma falha na pauta da sessão da última terça-feira, 27. Na manhã de hoje a cassação de Queiroz voltou à pauta. O juiz Marcelo Cordeiro, relator do caso, por entender que as provas apresentadas configurariam descumprimento do estatuto do PT, antigo partido de Manoel Queiroz, votou favorável ao procedimento da ação e à cassação do mandato do deputado.

Contrariando a decisão do relator, o juiz Francisco Gomes acatou os argumentos da defesa de Queiroz e votou contra a cassação do parlamentar. Contudo, o desembargador Liberato Póvoa pediu vistas no processo que fica paralisado até a próxima sessão.

Outros julgamentos do TRE

Outras ações julgadas no pleno do TRE nesta sexta, dizem respeito ao deferimento de candidaturas proporcionais da coligação “Frente Tocantins Levado a Sério” que engloba os partidos PRB, PTN, PRTB, PMN, PTC, PV, PSDB e PTdoB. Ao todo, foram 39 candidatos que tiveram suas inscrições ratificadas pelo tribunal,. Entre as candidaturas confirmadas pelo TRE nesta sexta, estão as dos deputados Marcelo Lelis (PV) e Raimundo Moreira (PSDB) que tentam a reeleição.

 Da redação com informações TRE