Cultura

Foto: Divulgação

Quem não perde a saga Harry Potter tem programa garantido para o final de semana. Entra em cartaz neste sábado, 04, na Sala Sinhozinho do Espaço Cultural José Gomes Sobrinho o filme Harry Potter e as Relíquias da Morte - Parte I, com sessões às 15h e 18h30. O filme Tropa de Elite 2 continua até o dia 10 de dezembro com sessões às 21h30.

Os ingressos custam R$ 10,00 e R$ 5,00 (para estudantes), sendo que na quinta-feira, há a promoção em que todos pagam meia (R$ 5,00). A classificação etária é de 12 anos.

Sinopse

O filme começa com Harry, Ron e Hermione em uma perigosa missão para encontrar e destruir o segredo da imortalidade e destruição de Voldemort, as Horcruxes. Sozinhos, sem seus mentores ou a proteção de Dumbledore, os três amigos agora dependem um dos outros mais do que nunca. Mas no caminho estão Forças das Trevas que ameaçam acabar com eles.

Paralelamente, o mundo da magia se tornou um local perigoso para todos os inimigos do Lorde das Trevas. A guerra aguardada com temor há muito tempo já começa e os Comensais da Morte de Voldemort tomam o controle do Ministério da Magia e até mesmo de Hogwarts, assustando e capturando qualquer um que se oponha a eles. Mas eles ainda buscam o prêmio de maior valor para Voldemort: Harry Potter.

O Escolhido se tornou o caçado quando os Comensais da Morte saem em sua busca com ordens de levá-lo para Voldemort. A única esperança de Harry é achar as Horcruxes antes de ser encontrado por Voldemort. Mas, à medida que procura por pistas, ele descobre uma lenda antiga e quase esquecida: a lenda das Relíquias da Morte. E se a lenda for verdadeira, isso poderia dar a Voldemort o imenso poder que ele tanto busca.

Harry nem imagina que seu futuro já foi decidido pelo seu passado, quando naquele dia fatídico, ele se tornou o "Menino Sobrevivente". Não mais só um menino, Harry Potter está cada vez mais próximo da tarefa para a qual está se preparando desde o primeiro dia em que pisou em Hogwarts: a batalha final com Voldemort.

Fonte: Assessoria de Imprensa/ Fundação Cultural

Por: Redação

Tags: Fundação Cultural, Harry Potter