Economia

Foto: Divulgação

A Fecomércio Tocantins e os Sindicatos Patronais e Laborais assinaram na quinta-feira (2), a Convenção Coletiva do Comércio, que prevê reajuste e aumento do piso salarial. O acordo tem validade de um ano contado a partir de 1º de novembro de 2010.

O índice de correção dos salários ficou em 6,00%, já o piso salarial foi fechado em R$ 570,00. A decisão abrange os comerciários dos segmentos de oito sindicatos patronais, que junto à Federação e mais três sindicatos laborais discutiram durante dias o melhor acordo entre as partes, trabalhador e empresa.

O presidente da Fecomércio Tocantins, Hugo de Carvalho, explica que o índice de reajuste da Convenção deste ano está em consonância com a realidade econômica atual. “Garantimos um piso salarial muito acima da previsão do salário mínimo do governo federal, ficando bom para o empregador e também para o empregado”, ressalta.

A novidade na nova Convenção é a inclusão da cláusula que prevê o expediente comercial nos feriados, com exceção de 25 de dezembro, 1º de janeiro e 1º maio para as empresas do comércio de gêneros alimentícios e as instaladas em Shopping Centers.

Carvalho acredita que “todos saem ganhando” com o acordo dos feriados. “A decisão atende não só os empresários do ramo, mas inclusive a comunidade que terá mais opções para fazer compras e se divertir nesses feriados”, lembra o presidente.

Segundo o assessor jurídico da Fecomércio Tocantins, Vinícius Caetano, a inclusão na Convenção Coletiva de cláusula disciplinando a abertura em feriados das empresas do comercio instaladas em shopping centers “atende uma reivindicação dos empresários do setor, pois evita que os mesmos tenham que firmar diversos acordos individuais com o sindicato laboral a cada feriado do ano”.

Fonte: Assessoria de Imprensa/ Fecomércio