Polí­tica

A vice-prefeita de Palmas, Edna Agnolin (PDT) tem a pretensão de construir uma candidatura à prefeitura no próximo ano. Nos bastidores, a pedetista já busca alguns apoios para tentar se consolidar como candidata com apoio de seu grupo político e do prefeito Raul Filho (PT).

Procurada pelo Conexão Tocantins, a vice-prefeita informou via assessoria de Imprensa que só comentará o assunto daqui a duas semanas quando fará uma entrevista coletiva sobre o pleito do próximo ano.

Candidata por aclamação

Comentando o assunto ao Conexão Tocantins, o deputado federal eleito Angelo Agnolin (PDT) salientou que a vice-prefeita é uma candidata com potencial. "Não tenho dúvida de que ela é um dos nomes que tem uma maior relação sentimental com o povo de Palmas. O apelo popular é espontâneo para que ela seja candidata”, frisou Agnolin. “As pessoas quando nos encontram clamam pela candidatura dela”, completou.

Ainda falta agregar força política à pré-candidatura da vice-prefeita, segundo o deputado. “Ela é potencial candidata, mas não é candidata de si mesmo nem da família Agnolin, falta agregar força política”, pontuou.

Influência de Raul

O prefeito Raul Filho já disse ao Conexão Tocantins que vai apoiar quem tiver mais afinidade com a capital e aclamação popular. Na ocasião ele citou a vice-prefeita. Questionado se há algum compromisso prévio do prefeito com Edna para apoio no próximo ano, o deputado salientou que isso não é importante.

“Eu só levo em consideração a parceria real entre os dois, isso é que realmente importa. Nunca houve nenhum milímetro de desavença. E essa relação facilita para que ela se fortaleça e tenha o apoio do prefeito”, disse o deputado.

Além de Edna já foram colocados à disposição para a disputa o nome do pevista Marcelo Lelis e ainda do tucano Eduardo Gomes bem como da deputada Nilmar Ruiz (PR).