Estado

O Partido dos Trabalhadores do Estado encaminhou nota de pesar em razão do assassinato do coordenador do Centro de Direitos Humanos de Cristalândia, Sebastião Bezerra neste fim de semana.

Para o partido, o militante era um exemplo na luta pelos direitos humanos. A polícia investiga o crime.

Veja a nota na íntegra:

NOTA DE PESAR

O Partido dos Trabalhadores, por meio de sua Executiva Estadual e dos deputados estaduais Amália Santana e José Roberto, lamenta profundamente o assassinato brutal do coordenador do Centro de Direitos Humanos de Cristalândia, o companheiro Sebastião Bezerra, que era um exímio militante e exemplo de cidadão na luta pelos direitos humanos. À família nossos sentimentos de pesar, às autoridades políticas e jurídicas exigimos ações imediatas.