Estado

A Central Única dos Trabalhadores do Tocantins (CUT-TO) realiza um ato público contra o Projeto de Lei Parlamentar 549/2009 nesta quarta-feira, 30, a partir das 8 horas, na Avenida JK, em Palmas.

O Projeto prevê um congelamento salarial de 10 anos para servidores públicos de todas as esferas de governo. A manifestação tem como objetivo sensibilizar os senadores e deputados federais tocantinenses para não votarem a Lei que além do congelamento de salários prevê cortes nos serviços públicos de infraestrutura e a não realização de concursos.

“É preciso que todos os trabalhadores estejam mobilizados contra essa Lei, porque primeiro atingem os servidores públicos e depois os demais trabalhadores”, ressalta o presidente da CUT-TO, José Roque Santiago.

Este projeto foi aprovado pelo Senado em 2009, mas em maio de 2010 foi rejeitado pela Câmara. No entanto, a Lei pode entrar novamente em pauta no Congresso, pois contempla os cortes no Orçamento da União anunciados pelo Governo Federal. Participam do Ato sindicatos filiados à CUT e a central Força Sindical.

Por: Redação

Tags: Avenida JK, CUT, José Roque Santiago