Esporte

Após as disputas dos Jogos Estudantis do Tocantins (Jets), os alunos-atletas tocantinenses já estão prontos para seguirem viagem até João Pessoa, onde buscarão conquistar medalhas contra vários estudantes de todo o Brasil nas Olimpíadas Escolares. Contando com o apoio pioneiro do governo do Estado, que pela primeira vez financiou as passagens aéreas dos participantes, as delegações iniciam, em Palmas, o embarque para a capital paraibana nesta próxima quinta-feira, 08, em dois diferentes voos, sendo um às seis e outro às 14 horas.

A primeira delegação a partir para as Olimpíadas será a dos esportes individuais, que conta com 73 integrantes, sendo eles 60 alunos-atletas, oito técnicos e três oficiais, além de um jornalista e um cinegrafista da Secretaria Estadual da Educação (Seduc). Enquadram-se nesta modalidade o atletismo, o ciclismo, a ginástica rítmica, o judô, o tênis de mesa e o xadrez. As disputas destes esportes ocorrerão entre os dias 09 e 13 de setembro.

Em seguida, já no dia 13, a delegação das modalidades coletivas (basquete, futsal, handebol e voleibol) segue para João Pessoa. De um total de 91 componentes, este grupo conta com 77 alunos-atletas, oito técnicos, três oficias, e uma equipe de cobertura jornalística da Seduc composta por um jornalista, um cinegrafista e um fotógrafo. Os embates dos esportes coletivos acontecerão entre os dias 14 e 18 deste mesmo mês.

Amadurecimento aumenta chance de vitórias

De acordo com a chefe da delegação e presidente do comitê estadual dos jogos estudantis no Estado, Marília Mascarenhas, várias fatores positivos levam a crer que este grupo tem bastante chance de voltar das Olimpíadas com grandes vitórias. “Este grupo segue bastante forte para as disputas. Além de mais maduros, o que percebemos com a melhoria da qualidade da apresentação atual deles em relação às anteriores, eles vão chegar na competição mais descansados, já que o governador Siqueira Campos, juntamente com o secretário (estadual da Educação) Danilo de Melo, fez questão de que toda a delegação fosse de avião para os jogos, o que é inédito e evita o desgaste das longas viagens de ônibus. Tudo isto comprova que o Tocantins está em processo de evolução no esporte escolar, o que aumenta, automaticamente, as nossas possibilidades de voltarmos vitoriosos em algumas modalidades das Olimpíadas Escolares. A confiança dos nossos atletas subiu muito, e com ela a nossa de que eles podem causar muitas surpresas boas nas disputas também”, vislumbrou Marília Mascarenhas.

Suporte aos alunos-atletas

Todos os integrantes da delegação tocantinense estão recebendo o apoio do Comitê Olímpico Brasileiro (COB), que vai financiar a hospedagem, a alimentação e o transporte até as áreas de jogos, e do próprio governo do Estado, por meio da Seduc, que uniformizou todos eles com agasalhos e camisetas exclusivos, dando aos 164 integrantes da delegação, ainda, um kit-especial, contendo uma mochila e materiais de higiene pessoal. (Ascom Seduc)