Esporte

Foto: Elias Oliveira

Na madrugada de ontem, quinta-feira, 8 de setembro, 60 jovens embarcaram no Aeroporto Lysias Rodrigues, em Palmas, juntamente com oito técnicos e três oficiais, embarcaram para João Pessoa, capital da Paraíba, de onde pretendem voltar vitoriosos nas disputas das modalidades individuais (Atletismo; Ciclismo; Ginástica Rítmica; Judô; Natação; Tênis de Mesa; e Xadrez) da categoria 12 a 14 anos nas Olimpíadas Escolares, a fase nacional dos jogos estudantis (Jets). Os embates esportivos deste grupo vão ocorrer entre os dias 09 e 13 de setembro.

Presente no momento do embarque dos estudantes para prestigiá-los e para dar a eles uma voz de apoio, o secretário estadual da Educação, Danilo de Melo Souza, afirmou que a expectativa é muito positiva em relação aos possíveis bons resultados dos participantes tocantinenses. “Nós temos uma perspectiva muito boa de que este grupo poderá voltar das Olimpíadas Escolares vitorioso, com algumas medalhas. Estes jovens se mostraram muito talentosos durante os Jets (Jogos Estudantis do Tocantins), e a própria política do governo do Estado de implantar as escolas de tempo integral ajudou a despertar estes talentos, não à toa o número de participantes das escolas públicas estaduais aumentou em comparação com as edições anteriores”, disse Danilo.

O secretário ainda informou que o governador Siqueira Campos é um entusiasta do projeto e acredita no potencial dos alunos-atletas do Estado, por isto fez questão de, através da Secretaria Estadual da Educação, uniformizá-los, dar a eles uma bolsa contendo um kit-higiene e, principalmente, financiar, em ação inédita no Estado, segundo o secretário, as viagens áreas de ida e volta de toda a delegação.

Fome de medalha

O único que defenderá as cores do Tocantins no ciclismo, Bonfim Mateus Souza Bezerra, de 13 anos, disse que reforçou os treinos para melhorar o retrospecto que tem nas Olimpíadas Escolares. “No ano passado eu consegui uma medalha de bronze para o Estado. Já este ano, eu treinei mais forte, com ciclistas mais experientes, que fizeram crescer o meu ritmo. Eu quero outra medalha, de preferência de ouro, e vou me empenhar para isto”, ressaltou o aluno do Colégio Estadual Irineu Albano Hendges, de Guaraí.

Também se mostrou faminta por medalhas a dupla enxadrista da Escola de Municipal de Tempo Integral Santa Bárbara, de Palmas, Daniel Carvalho e Danielle Costa, ambos de 13 anos, que se mostraram ansiosos para que o dia da participação deles chegue logo. “Eu me foquei no treino mais técnico, para melhorar a minha compreensão das diferentes maneiras de se jogar o Xadrez. Espero conquistar uma medalha; seria muito gratificante para mim”, destacou Danielle, que até no discurso tem uma similaridade com o Daniel, que falou “eu treinei todos os dias, tanto contra pessoas com mais tempo de xadrez como contra o computador, aprendendo táticas diferentes; vou dar o meu melhor para conseguir uma medalha.”

Uma das principais promessas do Judô tocantinense, Mayons Niully Coelho é outro que confessou ter caprichado nos treinos para chegar às Olimpíadas em um alto nível de competitividade. “Eu me dediquei muito para melhorar as minhas projeções e defesas, por isto procurei lutar com os mais graduados durante os treinos. Além disto, eu fiz um trabalho de fortalecimento muscular, pois tem muitos lutadores fortes nesta etapa nacional; agora é chegar lá e Ippon neles”, brincou o judoca faixa laranja da Escola Municipal de Tempo Integral Euridice Ferreira de Melo, de Palmas, ao se referir à pontuação máxima do Judô, o golpe perfeito, que liquida o embate.

Delegação dos esportes coletivos

Está previsto para a madrugada da próxima terça-feira, 13, o embarque dos demais 77 alunos-atletas, oito técnicos e três oficiais que compõem a delegação tocantinense dos esportes coletivos, que são o Basquete, Futsal, Handebol e Voleibol, sendo que as partidas deste grupo ocorrerão entre os dias 14 e 18 de setembro.

Na mesma data está prevista a volta da delegação dos esportes individuais. A delegação completa do Tocantins é composta por 159 membros, dentre estudantes e servidores da Educação.

Categoria 15 a 17 anos

Ainda em setembro, a partir do dia 15, próxima quinta-feira, será a vez dos alunos-atletas da categoria 15 a 17 anos iniciarem as seletivas para as disputas regionais, estaduais e, por fim, nacionais dos jogos estudantis, sendo que esta última vai acontecer em Curitiba, capital do Paraná, em dezembro deste ano. As primeiras Regionais de Ensino a receberem a nova etapa dos Jets serão as de Guaraí e de Pedro Afonso. (Ascom Seduc)