Estado

A cidade de Colinas do Tocantins foi escolhida para receber as ações da operação Capim Dourado, do Projeto Rondon, no período de 13 a 29 de julho. As Instituições de Ensino Superior (IES) que queiram participar da operação, tanto em Colinas como nas outras cidades tocantinenses, o convite das operações está disponível no site do Projeto Rondon,www.defesa.gov.br/projetorondon.ASCOM

O prefeito José Santana Neto agradeceu ao Projeto Rondon por ter escolhido o município colinense como uma das cidades para receberem as ações rondonistas. “O Município está aberto a receber as equipes e temos a grata satisfação em receber o projeto em nossa cidade”, destacou. “Estamos muito honrados por termos sidos escolhidos, sendo uma das 15 cidades tocantinenses pelo Projeto Rondon”, completou.

Informações

Para participar de uma operação as IES terão que elaborar uma proposta de trabalho contemplando todas as ações do conjunto A ou do conjunto B, detalhadas no convite. As IES terão até o dia 30/03 para enviarem sua proposta de trabalho no site do Projeto Rondon.

Aquelas IES que participam pela primeira vez, deverão realizar o seu cadastro no sistema. No momento da inscrição serão solicitados o comprovante de credenciamento como instituição de ensino superior junto às instâncias competentes e a relação dos projetos de extensão desenvolvidos pela IES. Após o cadastro a instituição deverá anexar a proposta de trabalho.

Aquelas IES que já possuem cadastro, ou seja, que concorreram ao Projeto Rondon a partir de julho de 2011, deverão utilizar o mesmo login e senha já definidos para acessarem o sistema e enviarem a proposta de trabalho.

Projeto Rondon

O Projeto Rondon, coordenado pelo Ministério da Defesa, é um projeto de integração social que envolve a participação voluntária de estudantes universitários na busca de soluções que contribuam para o desenvolvimento sustentável de comunidades carentes e ampliem o bem-estar da população. O Projeto Rondon tem por objetivo: contribuir para a formação do universitário como cidadão; integrar o universitár io ao processo de desenvolvimento nacional, por meio de ações participativas sobre a realidade do País; consolidar no universitário brasileiro o sentido de responsabilidade social, coletiva, em prol da cidadania, do desenvolvimento e da defesa dos interesses nacionais; e estimular no universitário a produção de projetos coletivos locais, em parceria com as comunidades assistidas.

Municípios participantes da Operação Açaí (Pará)

Aurora do Pará, Bonito, Cachoeira do Arari, Curralinho, Curuçá, Garrafão do Norte, Ipixuna do Pará, Magalhães Barata, Marapanim, Ourém, Peixe Boi, Primavera, Pont de Pedras, Quatipuru, Santarém Novo, São Domingos do Capim, São João de Pirabas, São João da Ponta e São Sebastião da Boa Vista.

Municípios participantes da Operação Capim Dourado (Tocantins)

Aparecida do Rio Negro, Arapoema, Barrolândia, Caseara, Colinas do Tocantins, Divinópolis do Tocantins, Itacajá, Itapiratins, Marianópolis, Miranorte, Nova Olinda, Pedro Afonso, Palmeirante, Pequizeiro e Tocantínia. (Ascom Prefeitura de Colinas com informações do Projeto Rondon)