Polí­tica

Foto: Divulgação

O presidente da Associação Tocantinense de Municípios (ATM) Manoel Silvino (PR) esteve em Brasília nesta quinta-feira, 3, para acompanhar de perto o andamento da liberação dos documentos para as prefeituras assinarem os convênios do programa Minha Casa Minha Vida 2. Silvino esteve na Presidência da República averiguando para quantos municípios o convênio já está liberado.

No mês passado,o prefeito de Tocantínia foi um dos cinco prefeitos escolhidos em todo o país, pelo Palácio do Planalto, para representar os prefeitos no evento de divulgação dos convênios do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) 2, devido ao trabalho desenvolvido por ele junto ao governo federal para o aumento do número de municípios do Tocantins a serem incluídos no Programa Minha Casa Minha Vida 2.

O Tocantins teria inicialmente apenas 44 municípios integrados ao programa habitacional para a população de baixa renda. O Estado subiu de 44 para 116 municípios incluídos no Minha Casa Minha Vida 2, com 87% do total de cidades integrando o programa, chegando a 4.680 casas populares que serão construídas ainda este ano.Do total de cidades participantes do programa federal, Guaraí, Porto Nacional, Miracema e Tocantinópolis vão receber 50 casas, Combinado receberá 30 casas e o restante 40 casas, cada município.(Assessoria de Imprensa).