Turismo & Lazer

Foto: Jaciara França

O Governo do Tocantins, por meio da Secretária da Indústria Comércio (SIC) e Agência de Desenvolvimento Turístico (Adtur) trabalham para implantar um hotel escola na Pousada Jalapão, situada na fazenda Triago, uma propriedade do Governo próxima ao município de Mateiros. A Federação Nacional do Comércio está interessada em ser parceira do Estado na iniciativa.

Nesta semana o secretário da indústria e do comércio, Paulo Massuia, juntamente com técnicos da Adtur acompanharam o presidente da Fecomércio, Hugo de Carvalho, o diretor regional do Sesc, Marco Antônio Monteiro e o diretor da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo – CNC e presidente da Federação Brasileira de Hospedagem e Alimentação, Alexandre Sampaio em uma visita a pousada e aos atrativos turísticos que ficam nas dependências da fazenda, Cachoeira da Velha e Prainha.

A visita teve o objetivo de apresentar aos dirigentes da CNC e Fecomércio potenciais turísticos ainda não explorados na região e as melhorias que podem ser implantas à partir de projetos e serviços realizados por essas instituições. Durante a visita os dirigentes tiveram oportunidade de verificar as principais demandas logísticas e estruturais necessárias à realização do projeto.

A Adtur já possui um levantamento elaborado no ano passado pela equipe de arquitetos e engenheiros da Secretaria Estadual da Infraestrutura, onde constam as reformas necessárias para reativar a pousada.

De acordo com o secretário, Paulo Massuia, a proposta do governador Siqueira Campos, ao implantar um hotel escola na região é tornar mais sustentável a exploração turística no Jalapão. “A implantação do hotel oferecerá aos turistas que vistam o Jalapão uma opção de hospedagem dentro do parque, ao mesmo tempo em que a estrutura será utilizada para capacitação de empresários e profissionais dos municípios da região, que tem no turismo uma fonte de renda”, destacou.

Para o presidente da Fecomércio, Hugo de Carvalho, a idéia é muito atraente e a instituição está interessada em estudar a proposta mais a fundo. “Gostamos muito do que vimos, tanto eu quanto o diretor da CNC, Alexandre Sampaio. Há sim a possibilidade de desenvolvermos um projeto nessa área em parceria com o Governo, pois se trata de algo que está em sincronia com o nosso planejamento. A partir de agora iremos dar seguimento às negociações e em breve poderemos acenar com uma proposta nesse sentido”, declarou Hugo de Carvalho. (Ascom Sic)