Estado

Foto: Divulgação Agência Central fechada por falta de água Agência Central fechada por falta de água

O Sindicato dos Trabalhadores na Empresa Brasileira de Correios do Tocantins encaminhou denúncia ao Ministério do Trabalho e Emprego sobre a falta de água na agência em Palmas e outros problemas. Segundo o sindicato, desde a manhã desta quarta-feira, 18, o prédio está sem água e inclusive os banheiros estariam trancados por este motivo. O prédio central fica na 404 Norte. O atendimento foi suspenso e a agência fechada em razão do problema, segundo os representantes dos trabalhadores.

A água que está sendo utilizada para consumo não é tratada, conforme apontou o Sindicato. A situação, conforme a denúncia, representa vários riscos para os servidores.

Outro problema denunciado também foi a falta de energia no período vespertino no período da tarde. O impasse foi em razão de um raio que atingiu o gerador externo da Celtins mas o equipamento emergencial de propriedade da agência estava sem manutenção. “ Nossos colaboradores estão sujeitos a trabalhar como na idade da pedra. Hoje grande parte das nossas operações são informatizadas e necessitam do básico que é a energia”, citou o sindicato. Muitas encomendas estariam paradas por causa da falta de energia que estaria comprometendo até a climatização das salas.

Outra situação de risco aponta é que o servidores estariam descarregando os caminhões sem auxílio da rampa elétrica. “ essa denúncia é com o intuito de que sejam averiguadas as responsabilidades sobre essas condições de trabalho aplicadas aos nossos colaboradores, visto que o trabalhador quando negligencia é punido severamente”, argumenta o Sindicato.

O mesmo sindicato já fez outras denúncias com relação às condições estruturais das agências dos correios na capital.