Campo

Foto: Divulgação

Nesta segunda-feira, dia 18, quatro equipes de técnicos da  Secretaria Estadual da Agricultura, da Pecuária e do Desenvolvimento Agrário (Seagro) iniciam nova etapa de visitas a propriedades rurais, em diferentes regiões do Estado.  Esta etapa de divulgação do novo prazo para renegociação de dívidas dos agricultores familiares inadimplentes com as linhas de financiamentos do PNCF – Programa Nacional de Crédito Fundiário, encerra no sábado, dia 23.

Para o coordenador de Crédito Fundiário da Seagro, José das Crianças da Costa, as visitas já estão surtindo efeitos positivos. “Notamos que os agricultores inadimplentes estão buscando informações para regularizarem suas dívidas. As agências financeiras também estão empenhadas neste processo para a adesão dos agricultores à renegociação”, disse. 

Costa acrescentou que nesta etapa, as equipes percorrerão 16 municípios, em 29 associações, perfazendo um total de 625 agricultores familiares. “A nossa intenção é ir a todos os municípios tocantinenses, repassando aos agricultores familiares a importância da renegociação. Por isso estamos reforçando a oportunidade dos agricultores de quitarem suas dívidas”, reforçou.

Os municípios a serem atendidos nesta fase serão: Ponte Alta, Pindorama, Almas, Dianópolis, Porto Nacional, Brejinho de Nazaré, Nova Rosalândia, Cristalândia, Pium, Crixás, Peixe, Brasilândia, Presidente Kennedy, Fortaleza do Tabocão, Rio dos Bois e Miranorte. 

Nova resolução

No início deste mês, o MDA – Ministério do Desenvolvimento Agrário - divulgou a nova resolução 4.178, que facilita aos agricultores familiares a adesão à renegociação de dívidas. Na Resolução anterior, a nº 4.029, os juros variavam de 2% a 5% e as parcelas eram limitadas em apenas seis. Já a atual, 4.178, o juro foi reduzido de 0,5 a 2% e as renegociações ocorrerão em todas as parcelas vencidas e vincendas, até o dia 28 de junho de 2012, dentre outros benefícios.