Polí­tica

Foto: Divulgação

O senador João Costa Ribeiro Filho (PPL-TO) foi indicado para compor a Comissão do Projeto Jovem Senador do Senado. O Programa foi criado por meio da Resolução nº 42, de 2010, com o objetivo de proporcionar aos estudantes conhecimento acerca da estrutura e do funcionamento do Poder Legislativo brasileiro, bem como estimular um relacionamento permanente dos jovens cidadãos com o Senado.

Eles participam de sessões do Senado e podem, inclusive, apresentar projetos de lei. Esta é a proposta do projeto, realizada pelo Senado com o apoio do Ministério da Educação, do Conselho Nacional de Secretários da Educação (Consed) e das Secretarias de Educação dos estados e do Distrito Federal.

O projeto Senado Jovem premia estudantes de escolas públicas de todo o Brasil que participam de um concurso de redação. Os vencedores passam três dias em Brasília, inclusive fazendo o papel de legisladores. Integram o Programa: O Concurso de Redação do Senado e O Projeto Jovem Senador.

A realização do Programa Senado Jovem Brasileiro é anual.  O tema da quinta e última edição do Concurso de Redação de 2012 foi "Meu município, meu Brasil". Foram convidados a participar todos os alunos do 2º e do 3º ano do Ensino Médio de escolas públicas estaduais e do Distrito Federal, com idade de 16 a 19 anos.

Durante esses três dias, os alunos finalistas tiveram a oportunidade de simular a atuação dos Senadores da República, vivenciando o processo de discussão e elaboração das leis do nosso País. Além disso, foram premiados com notebook, medalha, certificado e publicação da sua redação no livreto produzido pelo Senado.

As escolas dos alunos classificados nos três primeiros lugares na etapa nacional receberam computadores, publicações técnicas e multimídia produzidas pelo Senado Federal e certificado de participação.

O Concurso de Redação é promovido pelo Senado desde 2008. A cada nova edição tem-se renovado e implementado novos formatos buscando sempre ampliar o relacionamento do Senado Federal com o público jovem, envolvendo toda a comunidade escolar.

Assim, a cada ano, todos os 27 alunos finalistas no Concurso de Redação têm a chance de atuar como senadores, na capital federal, como representantes de suas unidades da Federação. (Assessoria de Imprensa)