Campo

Cavaleiros e amazonas da região Norte do Estado já se preparam para a VII Cavalgada de São Bento do Tocantins. Organizada pela Prefeitura Municipal, o evento acontecerá no próximo dia 28 de julho (domingo) e visa oportunizar a participação de toda a comunidade na manifestação popular e tradicional que retrata a atividade econômica que vem destacando o município em nível estadual.

Para o prefeito Claudivan Tavares (PTB), o evento ainda consagra um dia dedicado exclusivamente à pecuária da região, bem como para fortalecer o relacionamento com os municípios vizinhos.

Percurso

As comitivas sairão da Feira Municipal, às 8:00 horas do domingo, dia 28 de julho, subindo pela Rua Aeroporto até a Caixa d’agua, depois passando pela Avenida Betel e pelas ruas do Comércio, Travessa João Borges Santana e Rua Pedro Ramos.

Cavaleiros e amazonas ainda seguem pela BR-230 até o Balneário Oscar Milhomem onde haverá o encerramento do evento com música ao vivo. No total, serão mais de 7 quilômetros de percurso.

Cada chefe de comitiva deverá se apresentar à comissão organizadora antes do inicio da Cavalgada.

O chefe da Comitiva é o responsável por todo e qualquer ato de seus componentes resultantes de excesso de bebidas alcoólicas ou desvio de conduta, em local público com os integrantes da Cavalgada.

Jurados e Premiações

Para avaliar e julgar o desempenho das comitivas, nove jurados estarão aleatoriamente no percurso da cavalgada pontuando doze quesitos:

1) Comitiva mais organizada

2) Comitiva com maior número de cavaleiros e amazonas

3) Cavaleiro ou amazona mais novo

4) Cavaleiro mais idoso

5) Amazona mais bonita

6) Peão mais caracterizado

7) Animal mais Trajado

8) Animal mais feio

9) Charrete ou carroça mais enfeitada

10) Boi mais bonito

11) Cavalo mais bonito

12) O melhor berranteiro (escolhido antes do show)

Todas as comitivas ganharão troféu de participação, bem como todos os quesitos avaliados serão premiados com troféus e demais prêmios surpresas.

Penalidades

A organização do evento já está advertindo no ato de inscrição das comitivas  que é expressamente proibido o uso de pinholas, excesso de cargas nas carroças e abuso contra os animais. É ainda proibida a participação de animal machucado, doente ou debilitado.