Polí­tica

Foto: Divulgação

A senadora Kátia Abreu, presidente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), foi reeleita presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Tocantins (FAET) e do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural do Tocantins (SENAR) pelo triênio 2014/2016. Kátia Abreu foi reeleita com 100% da aprovação dos presidentes dos Sindicatos Rurais do Tocantins votantes, bem como a Diretoria, o Conselho Fiscal e a Suplência do Sistema FAET / SENAR. A votação aconteceu nesta sexta-feira, 25, das 8h às 17h, na sede da Administração Regional da FAET / SENAR em Palmas.

Kátia Abreu agradeceu aos presidentes dos Sindicatos Rurais do Estado do Tocantins por, mais uma vez, acreditar e confiar no seu trabalho para o fortalecimento do setor agropecuário no Tocantins e, em especial, a permanência das ações que beneficiam diretamente o produtor rural e suas famílias.

“Estou muito grata e feliz por poder contar com parceiros que trabalham, na mesma sintonia, para melhorar a vida do trabalhador do campo, construindo possibilidades de desenvolvimento econômico e qualidade de vida, capacitando e qualificando o produtor rural e levando ações de promoção social que trazem saúde e educação para todos”, disse a senadora, que foi a primeira mulher em todo o País a eleger-se presidente de um Sindicato Rural (Gurupi – TO), sendo eleita, em seguida, presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Tocantins, em 1996.  Kátia Abreu também foi a primeira mulher a eleger-se presidente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), se tornando um marco na história classista do País.

Kátia Abreu destacou os serviços oferecidos ao produtor rural durante sua atual gestão, a exemplo de programas como o Travessia Leite, que visa aumentar a competitividade dos produtores de leite do Estado, melhorando a qualidade e reduzindo custos da produção, e o Travessia Bico, que da oportunidade aos produtores serem atendidos pelo programa Negócio Certo, auxiliando na identificação da vocação econômica da região e aplicando técnicas de gestão para propriedades rurais. Kátia Abreu também falou do Pronatec Rural, que capacita jovens e adultos do campo para o mercado de trabalho, e também comemorou o sucesso do início do programa de habitação Minha Casa Minha Vida Rural, que já é referência para todo o país, além do Cartão do Produtor Rural. Kátia Abreu reforçou o compromisso de trabalhar para a consolidação definitiva das feiras e exposições agropecuárias em todo o Tocantins.

Líder Ruralista

Como uma das mais fortes e reconhecidas lideranças ruralistas do país, Kátia Abreu começou cedo sua trajetória classista na busca do fortalecimento do setor agropecuário. Confira, abaixo, as gestões de Kátia Abreu como representante do setor que mais cresce no país: o agropecuário:

- Presidente do Sindicato Rural de Gurupi – 1994-1996;

- Presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Tocantins (FAET), 1996-1999;

- Presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Tocantins (FAET), 1999-2002;

- Presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Tocantins (FAET), 2002-2005;

- Presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Tocantins (FAET), 2006-2008 (licenciada)

- Vice-presidente da Confederação  da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), 2005;

- Presidente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) (2008)

- Presidente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) (2011)

- Presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Tocantins (FAET), 2011-2013

- Presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado do Tocantins (FAET), 2014-2016