Polí­tica

Foto: Divulgação

O presidente regional do PT no Tocantins, Donizete Nogueira, falou ao Conexão Tocantins sobre o cenário político que está sendo desenhado pelo Partido dos Trabalhadores para as eleições de 2014. Segundo ele, o PT faz parte de um “grupo que vai trazer alternativa nova e que vai ganhar as eleições”.

Para Donizete o grupo formado pelos partidos do PT, PP, PSL, PcdoB e PRB, que já tem outros nomes lançados para a disputa como o do ex-ministro Luiz Carlos Borges da Silveira (PSL) e o empresário Roberto Magno Martins Pires (PP), vai definir uma chapa, mas o PT trabalha e irá defender o nome de Nicolau Esteves para o Governo do Estado. “Cada um vai defender o seu, quem está rodando o Tocantins, construindo um projeto com o PT é o companheiro Nicolau. Temos que continuar com essas discussões”, disse.

PED do PT

Sobre o Processo de Eleições Diretas para a escolha do novo presidente regional da sigla Donizete deixou claro que defende o nome do ex-prefeito de Couto Magalhães, Júlio Cesar Brasil, mas que a decisão é dos filiados e ele trabalha para organizar e dar mais transparência ao processo. “Não posso responder pelos filiados, cada um deles tem autonomia para votar. Acredito que o trabalho ao longo desses anos nos credencia para votar no companheiro Júlio Cesar”, defendeu.

Ao ser questionado sobre o apoio do ex-prefeito, Raul Filho, para a candidatura do vereador da Capital Waldson de Agesp no PED do PT, Nogueira rebateu: “No PT não é possível ganhar uma eleição aparecendo no apagar das luzes para disputar ela”.

Ao fim ele afirmou que o qualquer grupo que ganhar a presidência do partido tem que dar continuidade ao trabal. o que vem sendo feito e assumir os compromissos já firmados pelos PT. “O que foi construído não tem de ser desmanchado, tem que ser continuado”, concluiu. O Processo de eleições Diretas do Partido dos Trabalhadores está marcado para acontecer no dia 03 de novembro