Polí­tica

Foto: Divulgação

O deputado do PMDB, José Augusto Pugliese foi mais uma vez na tribuna nesta terça-feira, 11, desqualificar a atual gestão que ele chama de “desgoverno”. “ Não existe duas criaturinhas ruins para governar igual essas”, frisou. “ O maior manual que conheço de como não se governar é esse governo que fez tudo 100% errado”, disse.

Ele falou também sobre a expectativa para julgamento da Ação que pede cassação do governador Siqueira Campos e que será julgada nesta terça no TSE. “Se cassar vamos cumprir a lei e eleger um novo governador para governar este Estado e se não cassar vamos continuar fazendo nosso trabalho mostrando o desgoverno desse Estado”, disse.

Segundo o parlamentar neste ano o governo terá a maior derrota eleitoral do Estado. “ O PMDB vem aí com Junior Coimbra para governador e Gaguim para senador”, disse acrescentando que  Polícia Militar não tem dinheiro nem para colocar gasolina nos carros e que a saúde é um descalabro total.

As críticas não ficaram apenas por conta de  Pugliese. O deputado do PROS, Eli Borges também foi à tribuna falar do projeto de seu partido para disputar o governo através do projeto de candidatura do presidente regional, senador Ataídes Oliveira. “Até agora as políticas implantadas não tem correspondido a realidade do Estado”, criticou relatando que falta mais incentivo para atrair empresas de grande porte.

Eli elogiou ainda o grupo intitulado de terceira via sinalizando que poderá ter uma composição entre PROS e o grupo. “Vai ser a primeira via na opção das pessoas e nasce dessa visão propostas interessantes”, frisou.