Palmas

Foto: Divulgação

Com a presença de presidentes de associações rurais, vereadores e servidores públicos o prefeito de Palmas, Carlos Amastha, entregou na manhã desta sexta-feira, 28, quatro tratores e dezenas de equipamentos agrícolas que facilitarão o trabalho dos técnicos no campo. Durante o evento, também foi assinado um termo de cooperação entre a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Rural (Seder) e o Banco do Povo. 

Com palavras de incentivo aos trabalhadores rurais e aos técnicos da área o gestor iniciou sua fala. “Não celebramos nada individualmente, se estamos com tratores novos, técnicos sendo capacitados e melhorias no campo é resultado de um trabalho conjunto de cada um dos que aqui estão”, frisou Amastha.

Ainda de acordo com o Prefeito, a gestão não deseja a continuidade de políticas assistencialistas para este segmento da população. “Estou falando aqui com um dos segmentos que mais tem potencial de crescimento econômico em Palmas. Queremos oferecer assistência e tecnologias para que o homem do campo enriqueça através do seu trabalho, que seja valorizado, reconhecido e alcance sucesso econômico para levar qualidade de vida a toda a sua família”, sentenciou Carlos Amastha. 

O Programa de Aquisição de Alimentos também foi citado pelo prefeito como um filão de mercado para os produtores rurais. “Temos que adquirir pelo menos 50 % do que consumido na merenda escolar de Palmas de nossos produtores locais. É um recurso que precisa ir para o bolso destes cidadãos que trabalham e vivem aqui em nosso Município”, destacou Amastha.

Parceria

Sobre a assinatura do termo de cooperação entre Seder e o Banco do Povo o secretário municipal de Desenvolvimento Rural, Roberto Sahium, afirmou ser de suma importância as parcerias com os demais órgãos e entidades governamentais. “Com certeza o atendimento junto com o Banco do Povo vai nos ajudar a aumentar a produtividade no campo. O produtor precisa destes recursos na hora certa para plantar e produzir também no tempo certo”, explicou Sahium.

Durante o evento três produtores rurais do Assentamento Veredão assinaram contratos de empréstimos junto ao Banco do Povo. A assentada Elizete Araújo Costa buscou auxílio para a construção de piquetes para rotação de pastoreio. “Há muito tempo preciso melhorar o trato com o rebanho, mas custa caro, agora com o empréstimo vou cuidar melhor do meu gado e economizar na ração”, explica Elizete.

De acordo com o gerente de Geração de Renda do Banco do Povo, Valdemar do Carmo Pereira, mais de R$ 600 mil serão destinados ao segmento rural e a parceria entre órgãos permitirá que o recurso chegue às mãos dos produtores. “É com grande satisfação que firmamos esta cooperação, pois facilitará para o produtor o acesso ao crédito e à assistência técnica adequada. Nossa intenção é atender pelo menos 300 produtores em 2014”, ressaltou Pereira.

 Capacitação Técnica

Os 16 técnicos que participaram do curso de Aperfeiçoamento em Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater) receberam das mãos de autoridades presentes seus certificados. “Estas capacitações são importantes ferramentas que terão seu valor refletido no ato da prestação de serviços ao agricultor”, ressaltou o agrônomo Luiz Machado Neto.