Campo

Foto: Joatan Silva

No próximo dia 31 de maio encerra a Campanha de vacinação contra febre aftosa no Tocantins. Portanto, os produtores rurais que ainda não vacinaram devem procurar as lojas credenciadas pela Agência de Defesa Agropecuária – Adapec para comprarem as doses da vacina. A declaração da vacinação também é muito importante e o prazo segue até o dia 10 de junho. Nesta etapa a expectativa é imunizar mais de oito milhões de bovinos e bubalinos.

A declaração deve ser feita nos escritórios da Agência, onde a ficha cadastral é movimentada. A multa para quem deixar de vacinar é R$ 5,32 por animal e R$ 127,69 por propriedade não declarada. O produtor também poderá ficar impedido de transportar e comercializar o seu rebanho. “A campanha tem ocorrido normalmente e os produtores rurais têm consciência da importância de vacinar o rebanho e de preservar a saúde animal”, disse a diretora de defesa, inspeção e sanidade animal da Adapec, Leila Pessoa.

Segundo o presidente da Adapec, Marcelo Aguiar Inocente, a manutenção do status sanitário é um passo importante para que o Tocantins avance ainda mais no mercado internacional. “Esperamos no futuro próximo ter o reconhecimento da Organização de Saúde Animal (OIE) como livre da doença sem vacinação”, disse.

Segunda etapa

A próxima etapa da campanha contra febre aftosa será realizada em novembro, quando somente os animais com até 24 meses, declarados em maio, devem receber a dose da vacina. (Ascom Adapec)