Polí­tica

Foto: Divulgação

Os partidos que compõem a base do governo estadual devem se reunir na próxima semana para definir os detalhes da convenção conjunta que deverá ser realizada no dia 30 deste mês, último dia do prazo para lançamento oficial das candidaturas para Governo, vice, Senado e suplências. O grupo vai definir ainda as coligações para as proporcionais e a formação de um possível chapão na disputa pelas oito vagas na câmara Federal.

Atualmente o governo, comandado pelo Solidariedade, tem como aliados o PR, PEN, Democratas, PTB, PSB, PPS, PSDB, e ainda o PP  e PDT que oficializaram apoio recentemente. O PRB também é cotado para anunciar apoio nos próximos dias.

O candidato da base do governo é o atual governador Sandoval Cardoso e para o Senado o ex-governador Siqueira Campos (PSDB) fez uma carta aberta dizendo que quer disputar a vaga. Apesar da candidatura do ex-governador dada como certa o deputado federal Eduardo Gomes afirmou ao Conexão Tocantins nesta sexta-feira, 13,que continua com o nome á disposição do grupo. “Todo mundo que está a coligação pode se apresentar. Não está definido ainda estou aguardando”, frisou.

Gomes disse que o lançamento da pré-candidatura do ex-governador para o Senado já era esperado e ele tem todo o direito de concorrer ao cargo que quiser. “Continuo à disposição para o Senado mas se o escolhido for o Siqueira vou apoiar com certeza”, explicou o deputado.

O ex-senador Eduardo Siqueira Campos (PTB) deve disputar uma vaga de deputado estadual.