Polí­tica

Foto: Divulgação

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) votou por unanimidade nesta terça-feira, 05, pela inelegibilidade de José Viana Póvoa Camelo, que concorreria ao cargo de deputado estadual pelo PSD na coligação “A Experiência faz a Mudança” que tem como candidato ao Governo do Estado o ex-governador Marcelo Miranda. 

Viana é ex-prefeito de Paranã e teve pedido de impugnação de sua candidatura pedido pelo Ministério Público Eleitoral (MPE) por improbidade administrativa.

Segundo argumentações do procurador eleitoral, Alvaro Manzano, o que motivou o pedido de impugnação do registro de candidatura de Viana foi a existência de contas rejeitadas pelo Tribunal de Contas da União e parecer do Tribunal de Contas do Estado Tocantins. Segundo Manzano, o MPE considerou que os fatos apontados nos dois julgamentos referem-se a atos de improbidade administrativa de caráter doloso e por esse motivo requereu o indeferimento do registro.