Polí­tica

Foto: Elizeu Oliveira Governador fala para população de Tocantínia Governador fala para população de Tocantínia

Ao visitar Tocantínia neste sábado, 27, o candidato a governador, Marcelo Miranda (PMDB) ouviu mães indígenas que reclamavam a falta de condições para educação de seus filhos. Segundo a indígena Neli Xerente, 40 anos, dona de casa, há quase​ um ano, 16 escolas indígenas foram fechadas na reserva Xerente, em Tocantínia.

Segundo Marcelo Miranda, a população tocantinense já está cansada de tanta mentira, descaso e corrupção. “Chega de tentar mascarar uma realidade de falência em todos os setores da administração pública, sobretudo da Educação e da Saúde que a cada dia faz novas vítimas e isso nós não podemos mais admitir”, afirmou o candidato.

​De acordo com o ex-prefeito de Tocantínia, Marcio Bucar, o município está abandonado pelo poder público. "Estamos jogados, sem Saúde, com a Educação falida e sem a mínima assistência. O que temos de boas obras aqui foi Marcelo Miranda quem construiu, por isso, nós vamos conduzi-lo de volta ao Palácio Araguaia para a alegria de todos os tocantinenses", disse o ex-gestor.

Resgate

Marcelo Mi​randa explicou que, caso seja eleito, vai recuperar a educação estadual com a implantação de escolas modelo de tempo integral, valorização e respeito para com os servidores da área. O candidato também reafirmou novamente que vai retomar a Feira do Livro. "Esse era um dos maiores eventos literários do Brasil que o povo tocantinense amava e foi cortado por aqueles que não têm a mínima sensibilidade na alma​, mas a Feira do Livro vai voltar",​ concluiu.