Educação

Foto: Imagem ilustrativa/da web

Um estudo desenvolvido por pesquisadores alemães do centro médico da Universidade de Mianz, na Alemanha, descobriu que quanto maior for o nível de escolaridade de uma pessoa maior a probabilidade de ela ser míope. Os pesquisadores analisaram quase cinco milhões de pessoas e chegaram à conclusão que o problema pode estar relacionado ao excesso de leitura e do uso demasiado de equipamentos eletrônicos.

“É importante ressaltar que a pesquisa não diz que estudar prejudica a visão, mas sim o esforço excessivo sem o cuidado necessário”, explica o oftalmologista Dr. Juliano Perfeito, da Clínica de Olhos Yano.

De acordo com os pesquisadores, a porcentagem de alunos míopes entre os que terminaram os três níveis da escola secundária alemã variou de acordo com o tempo de estudo: dos que terminaram em 13 anos, aproximadamente 60,3% tinham o problema. Em comparação, o índice ficou em 41,6% dos que estudaram por 10 anos, 27,2 dos que estudaram por nove anos e 26,9% dos que não chegaram a terminar seus estudos.

A porcentagem de míopes também foi maior entre os graduados do que entre os que realizaram cursos profissionalizantes ou não receberam treinamento profissional. “O estudo também alerta sobre o fato da miopia deixar os olhos mais vulneráveis ao desenvolvimento de doenças mais sérias como o descolamento da retina, membrana neovascular, catarata precoce e glaucoma”, alerta Dr. Juliano Perfeito. (Ascom/Yano)

Por: Redação

Tags: Juliano Perfeito, Yano