Palmas

Foto: Valério Zelaya

Em seu discurso, durante a entrega de 660 unidades habitacionais neste sábado, 20, contemplando os setores Lago Sul e Janaína, o prefeito Carlos Amastha destacou os desafios e avanços obtidos nesses dois anos de gestão. Amastha reiterou que a atual gestão trabalha para desenvolver ações que contemplem as mais diversas áreas, de forma a não ser tachada como a gestão que cuidou apenas de uma área específica.

Desta forma, os avanços obtidos nas áreas de habitação, educação, saúde, infraestrutura, turismo, cultura, segurança, transporte, entre outras, foram pontuadas pelo gestor. Algumas contam com investimentos do Governo Federal e muitas ações também são custeadas com recursos da própria Prefeitura de Palmas que conseguiu aumentar a arrecadação, em mais de 50%.

Na área de habitação o destaque foi não apenas para as 700 unidades entregues em dezembro (incluindo as 40 casas do Residencial Buriti, no Distrito de Buritirana), mas para as outras mil em andamento e as mais de seis mil autorizadas a contratar que estão vinculadas ao Bus Rapid Transit (BRT) também destacado pelo gestor, como a principal obra a ser desenvolvida e que promete revolucionar o sistema de transporte coletivo na Capital. Os investimentos em habitação somam mais de R$ 500 milhões.

Na área de infraestrutura, a maior obra de macrodrenagem feita na Capital foi destacada por Amastha que inclusive levou o ministro das Cidades Gilberto Occhi para conhecer. A construção de novos Centros de Educação Infantil (CMEI) e Escolas de Tempo Integral foram lembradas pelo prefeito. “Investimos em todas as áreas, conquistamos a confiança do palmense e estamos fazendo obras completas que beneficiam a todos com recursos pagos por todos os moradores. Não é só a moradia, mas a moradia com escola perto, CMEI, posto de saúde, transporte na porta. E vamos fazer muito mais com a ajuda de todos”, disse Amastha, pedindo para os moradores zelarem das moradias com as quais foram contemplados, assim como os palmenses em geral tem ajudado a zelar da cidade. (Secom Palmas)

Por: Redação

Tags: Carlos Amastha, Habitação