Polí­tica

Foto: Antônio Gonçalves

O prefeito de Palmas, Carlos Amastha (PP) intensificou as articulações políticas de sua gestão no ano que antecede as eleições municipais de 2016. Com a adesão do PSB e do PSDB nas últimas semanas a sua gestão, o prefeito dialoga com outros partidos e depois do Carnaval vai constituir um conselho político.

“O prefeito determinou um acerto na gestão passados os dois primeiros anos e pediu que nos preparássemos porque com certeza quem vai construir o futuro somos nós mesmos já que se fizermos um bom governo a população com certeza vai optar pela gestão novamente”, informou.

A gestão quer formar uma ampla frente de partidos e o processo preparatório é de fortalecer as alianças com as legendas que já apoiam a gestão. “A vinda do PSDB e do PSB foi muito positiva. O senador Ataídes se comprometeu com nosso projeto, reforçamos ainda a relação com o PT que é um aliado prioritário”, relatou o presidente do PP de Palmas, Tiago Andrino. As articulações com o próprio PP também se fortaleceram, segundo Andrino. “Queremos uma chapa forte para vereador, queremos além de reeleger o Major (Negreiros) ter pelo menos mais um progressista na Casa de Leis”, frisou.

Andrino contou ainda que a formação do conselho será após o carnaval. Questionado se já há conversações com o PSD do vereador Irajá Abreu Andrino disse que ainda não mas que a relação vem melhorando. “Não tivemos nenhuma conversa partidária mas a relação vem melhorando muito e o vereador Iratã vem fazendo uma oposição responsável”, disse.

Vereadores querem vice

Os vereadores da base do Amastha, atualmente são 17, já dialogaram sobre o pleito de 2016 e pretendem exigir que o candidato a vice do prefeito seja um dos parlamentares. “Nosso pensamento é esse queremos a candidatura de vice. Estamos conversando sobre esse assunto pois nossa intenção é indicar o vice”, frisou.