Cursos & Concursos

Foto: Divulgação

Foi realizada, na tarde de sexta-feira, 10, na sede da Academia da Polícia Civil (Acadepol), a solenidade de encerramento do curso de atualização em perícias de crimes contra a vida e contra o patrimônio, com a entrega de certificados aos 27 peritos criminais que participaram. O curso teve a duração de três dias e carga horária de 20 horas.  

O evento teve início na última quarta-feira, 8 e contou com a participação de peritos criminais de Palmas e também de todos os núcleos de criminalística do interior do Estado, num total de 20 profissionais. O curso também contou com a participação de sete peritos criminais federais de diferentes unidades da federação.

Para a realização do aperfeiçoamento foram contratados professores da Polícia Científica do Estado de Goiás, além de instrutores da iniciativa privada, que pertencem ao ramo de segurança e monitoramento digital de imagens, bem como de instrutores da área de balística e genética forense da Polícia Científica do Tocantins.

Curso

Durante a realização do curso, os alunos puderam experimentar técnicas para manipulação de reagentes químicos, coleta de vestígios, além de receberem capacitação atualizada para realizar o levantamento de vestígios em locais de crime. Desta forma, a perícia do Tocantins espera aplicar os conhecimentos adquiridos durante o curso, para aumentar a eficiência da atuação da polícia na obtenção de provas mais qualificadas.

O Sindicato dos Peritos do Estado do Tocantins (Sindiperito) espera que o material disponibilizado e o conhecimento adquirido durante o evento possam ser aplicados, ainda nesse mês de abril, durante as rotinas periciais diárias em todos os municípios tocantinenses. Com a realização do curso, os peritos do Estado do Tocantins modernizaram seus métodos de trabalho e, agora, estão em sintonia com as técnicas mais modernas, que já são utilizadas no cenário nacional, por vários outros estados.

Solenidade

O subsecretário de Estado da Segurança Pública, Abizair Antônio Paniago, prestigiou a solenidade de entrega dos certificados e falou sobre a importância do evento. “O curso, concluído hoje, na Acadepol, é de extrema importância para atualizar e qualificar os profissionais da polícia científica na coleta de informações a fim de subsidiar a elaboração dos respectivos laudos periciais de forma segura e eficiente, pois eles são os principais elementos de prova de uma investigação criminal. Com isso, trazendo a tranquilidade social pela certeza da punição dos autores desses crimes. Novos cursos de qualificação serão realizados pela Acadepol com o mesmo objetivo; preparar nossos policiais para o enfrentamento do crime, em especial, os mais violentos”, destacou. 

Além do subsecretário, o evento de encerramento do curso também contou com a presença do diretor da Polícia Científica, Gilvan Nascimento Nolêto, do diretor da Acadepol, delegado Alberto Carlos Rodrigues Cavalcante, o presidente do Sindiperito, Gleydson Vaz, além de Carlos Antônio, diretor da Associação Nacional dos Peritos Criminais Federais. (Ascom SSP)