Estado

Foto: Divulgação

Oito instituições com atuação no Tocantins assinam nessa quarta-feira, 6 de maio, durante a Agrotins 2015, acordo de cooperação técnica que diz respeito a projeto de comercialização do pescado pela agricultura familiar através do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA). O acordo tem vigência de dois anos, prorrogáveis por igual período.

Às 15 horas, acontece no auditório do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) reunião de representantes dessas instituições para a assinatura do acordo. Logo depois, está programada palestra sobre boas práticas de manipulação de pescado, com Gabriela Barros.

E na cozinha gourmet, entre 16h e 16h30, haverá demonstração de receitas, elaboração de carne mecanicamente separada (CMS) e serão montados pratos à base de CMS para merendeiras, pescadores e piscicultores, com degustação.

Parcerias 

As instituições parceiras no projeto são: Superintendência Regional da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab); Embrapa; Delegacia Federal do Desenvolvimento Agrário do Tocantins (DFDA-TO); Ministério da Pesca e Aquicultura (MPA); Superintendência Regional do Banco do Brasil; Sebrae; Serviço Social do Comércio (Sesc) / Programa Mesa Brasil; Instituto de Desenvolvimento Rural do Tocantins (Ruraltins).

Entre as atribuições da Embrapa, estão trabalhar em ações de pesquisa, desenvolvimento e inovação que colaborem para o aproveitamento, a comercialização e o uso do pescado e a realização ou o apoio a ações de transferência de tecnologia específicas para a cadeia produtiva envolvida no projeto.