Polí­cia

Foto: Divulgação

Após reclamação e cobrança dos deputados estaduais da bancada de Araguaína com relação às ações de segurança no município, o 2º Batalhão da Polícia Militar (PM) informou que não tem medido esforços para garantir a segurança e a ordem pública na região norte, em parceria com outras unidades. A sede do batalhão está localizada na cidade de Araguaína, a 350 km da Capital, com uma população estimada de 167 mil habitantes, considerada a segunda maior cidade do Tocantins.

A área do 2º Batalhão abrange as cidades de Araguaína, Xambioá, Araguanã, Aragominas, Carmolândia, Darcinópolis, Muricilândia, Jacilândia, Piraquê, Santa Fé do Araguaia, Wanderlândia, Babaçulândia, Barra do Ouro, Campos Lindos, Filadélfia e Goiatins, além dos povoados de Araçulândia, Bielândia, Porto Lemos, Novo Horizonte e Morro Grande.

Atualmente, o 2º BPM é comandando pela major PM Patrícia Murussi Leite, e conta com um efetivo de 480 policiais militares, entre homens e mulheres, que atuam nas diversas modalidades de policiamento. São realizadas rondas na área bancária, na área escolar e demais localidades. A unidade também realiza constantes blitze, barreiras policiais, policiamento montado na cavalgada, operações policiais, como a “Operação Presença”, dentre outras.

Estatísticas

Essa atuação se reflete em números positivos, a exemplo do número de furtos e roubos, que diminuiu consideravelmente nos primeiros quatros meses de 2015, se comparado ao mesmo período nos anos de 2013 e 2014.  Este ano, a PM registrou 316 ocorrências de furto, ao passo em que, em 2013, foram 861 ocorrências, uma redução de aproximadamente 63,29%. Já em relação a 2014, a redução foi de 48,79%, sendo registrada em 2014 a quantidade de 617 ocorrências.

O número de roubos registrados nos quatro primeiros meses deste ano foi de 546. Em 2014, foram 840 ocorrências, com redução de 35%. Se comparado aos registros de 2013 (652 ocorrências) a diminuição é de 16%. Já o número de prisões ocorridas na área de atuação do 2º BPM aumentou. Neste ano foram realizadas, no mesmo período, 142 prisões, sendo 131 prisões em 2013 e 102 prisões em 2014. Outra atuação importante está relacionada à quantidade de armas de fogo apreendidas – um total de 35 para o ano de 2015. Em 2014 foram 21 apreensões e, em 2013, o número foi de 13 apreensões.

Dedicação

A comandante da unidade, major PM Patrícia destacou que esses números são fruto da ação constante da tropa do 2º BPM, que atua de forma profissional e humana. “Nossos policiais se dedicam diuturnamente à missão de servir à comunidade, e a cada dia o cerco contra a criminalidade em nossa área de atuação está se fechando. O aumento no número de prisões e apreensões favorece sem dúvida a redução da criminalidade”, avaliou major Patrícia.

A comandante fez questão de esclarecer que o efetivo administrativo da unidade está constantemente sendo empregado na atuação operacional. Um dos incentivos para esse emprego vem do pagamento de horas extras proporcionado pelo Governo do Estado, aos militares que atuam com carga maior de trabalho, reforçando as frentes de serviço ordinário que já atuam diariamente.

Outro reforço importante vem da Companhia de Operações Especiais (CIOE), que também atua em apoio ao serviço ordinário, com viaturas e homens do Comando de Operações Especiais (COE), além de motociclistas do Grupo de Intervenção Rápida Ostensiva (GIRO). A unidade também recebe reforço de militares do Batalhão de Polícia militar Ambiental (BPMA).

Tocantins Seguro

A última operação realizada pelo 2º Batalhão aconteceu no último sábado, 23, denominada “Operação Tocantins Seguro”, ocorrida na cidade de Araguaína, sob o comando da major Patrícia, e que se estende até o dia 1º de junho.

Como resultado do trabalho em conjunto e esforço direcionado, os policiais recuperaram uma motocicleta YBR, vermelha, produto de roubo, e prenderam os suspeitos Desley dos Santos Mendonça, 19 anos, e Railson Alves Ribeiro 18 anos, que conduziam o veículo no Setor Imaculada Conceição. Os dois também foram indicados como suspeitos de um roubo ocorrido horas antes, no setor Jardim das Flores. A dupla e o veículo apreendido foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil, onde forma autuados por roubo à pessoa e receptação de veículo roubado.

“A Polícia Militar vem realizando, da melhor forma, seu trabalho na cidade de Araguaína e toda área do 2º Batalhão. Não medimos esforços para que os moradores de nossa região tenham tranquilidade no exercício diário de suas atividades e possam contar com o a atuação da PM sempre que necessário, seja na atuação preventiva, como também na atuação repressiva à criminalidade”, finalizou a comandante.