Cultura

Foto: Emerson Silva

Produtores, realizadores e profissionais do audiovisual do Estado participaram nesSa sexta-feira, 7, de um encontro que foi realizado pela Secretaria de Estado da Cultura (Secult) no Teatro de Bolso do Memorial Coluna Prestes. A pauta central da discussão, conduzida pelo subsecretário da Cultura, André Araújo, foi o edital da Agencia Nacional do Cinema (Ancine) em parceria com a Secult, que destinará R$ 1,5 milhão para produtos locais e deverá ser lançado no mês de setembro.

O subsecretário ressaltou que é imprescindível ouvir a classe na construção do edital. “Precisamos escutar os realizadores do audiovisual tocantinense para que o recurso contemple de fato as necessidades dos que fazem cinema em nosso Estado”, concluiu.

As demandas apresentadas durante a reunião também vão nortear a realização de um seminário, em parceria com a Ancine, no segundo semestre de 2015. Ainda serão desenvolvidas oficinas de formação com o objetivo de ampliar as possibilidades de produção do cinema tocantinense.

A realizadora, Juliane Almeida, ressaltou a necessidade de se criar um material de apoio para que todos conheçam os tramites necessários que conduzam a patrocínios da Ancine. “Pode-se pensar em uma cartilha explicando todos os procedimentos necessários para que aquele que pretende inscrever o seu projeto consiga de fato alcançar o seu objetivo”, afirmou.

A iniciativa do edital é fruto da articulação da Secult com as instituições federais da área da cultura e busca consolidar parcerias que incentivem a produção audiovisual no Estado.