Cultura

Foto: Divulgação

O Instituto EDP (IEDP), organização que coordena as ações socioambientais do Grupo EDP, anuncia os vencedores do Concurso Arte com Energia em Tocantins, uma ação do projeto EDP nas Escolas. Uma banca julgadora, formada por representantes da companhia e dos parceiros, Instituto Tomie Ohtake e Inmetrics, elegeu os trabalhos que melhor representaram o tema do concurso: “A Luz do nosso Futuro”.

Ao longo de quatro meses, escolas das redes municipais de ensino dos municípios de São Salvador e Peixe promoveram em suas unidades diversas atividades de conscientização do uso de energia elétrica e desafiaram estudantes do 1º ao 9º ano do ensino fundamental a expressarem sua reflexão acerca do tema. Diretores, professores e os próprios alunos escolheram as obras para disputarem a final, que contemplou os alunos João Carlos Rodrigues dos Santos (2º ano), da Escola Municipal São José, e Clarisse Fernandes Aguiar (5º ano), da Escola Municipal Novo Milênio, que ganharão um tablet cada.

Além dos tocantinenses, foram premiadas na edição 2015 do Concurso Arte com Energia obras dos estados do Espírito Santo (Cachoeiro do Itapemirim e Baixo Guandu), Santa Catarina (Água Doce), Rio Grande do Norte (Parazinho) e Rio Grande do Sul (Tramandaí).

“O concurso possibilitou que crianças e jovens, do seu jeito, procurassem imprimir sua percepção da importância do meio ambiente. Os resultados mostram uma reflexão criativa do uso consciente dos recursos naturais, visando um futuro melhor para a sociedade”, diz o diretor doInstituto EDP, Pedro Sirgado. 

O Arte com Energia

O concurso contou com duas fases distintas e mais de 1200 obras. A primeira, com a produção das artes, exposição e indicação dos melhores trabalhos escolhidos pela comunidade escolar. Na sequência, coube a cada unidade de ensino encaminhar dois de cada ano escolar para a fase final. Na segunda, a comissão julgadora analisou cerca 200 trabalhos e destes, elegeu os três vencedores de cada ano.

Além do exercício criativo, professores e alunos tiveram a oportunidade de ampliar o conhecimento sobre energia limpa, por meio de debates sobre o uso inteligente da energia e produzir brinquedos com sucata.

A premiação acontecerá entre os meses de setembro e outubro, com a entrega de tablets para os autores dos 27 trabalhos vencedores e uma atividade cultural com os professores que mais se destacaram na condução das atividades.

O EDP nas Escolas

Trata-se de uma parceria do Instituto EDP com secretarias municipais de ensino. A iniciativa, que conta com o apoio do Banco do Brasil e Inmetrics, tem como objetivo contribuir para o aumento da qualidade de vida estudantil de alunos de escolas públicas por meio de ações de cidadania e de melhoria do ambiente escolar. Isso ocorre com o fortalecimento pedagógico e da integração entre empresa, escola e comunidade. Em 2014, o projeto beneficiou mais de 10 mil pessoas entre professores e alunos.

Outras ações do EDP nas Escolas são a entrega de kits escolares compostos por lápis, canetas, borracha, apontador, estojo, cadernos e mochila e a iniciativa de levar uma peça de teatro para dentro das salas de aulas; e o Professor Sustentável, um conjunto de palestras sobre valores e cidadania; energia e consumo; e gestão de resíduos, ministradas por representantes do Instituto e voluntários da EDP ao longo de três meses para o corpo docente.