Campo

Foto: Divulgação Na terça-feira, 25, o circuito será realizado na UFT de Gurupi, e na quarta-feira, 26, em Porto Nacional Na terça-feira, 25, o circuito será realizado na UFT de Gurupi, e na quarta-feira, 26, em Porto Nacional

Com objetivo de efetivar políticas públicas para o setor produtivo de grãos, o Governo do Estado, por meio da Secretaria do Desenvolvimento da Agricultura e Pecuária (Seagro), Sistema das Organizações das Cooperativas do Brasil (OCB/Sescoop – TO), Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), e parceiros realizam, nos dias 25, 26 e 28, o Circuito Tecnológico da Cadeia Produtiva de Grãos, nos municípios de Gurupi, Porto Nacional e Mateiros, respectivamente.

Nessa terça-feira, 25, o evento será realizado no Campus da Universidade Federal do Tocantins de Gurupi (UFT), das 8 às 18h. Voltado para o setor agrícola, serão discutidos temas como sistema cooperativista, potencial da produção da soja, infraestrutura, cultivo, sanidade, zoneamento de risco climático, armazenamento, comercialização, uso da aviação na produção, pragas e doenças, dentre outros.

De acordo com o engenheiro agrônomo da Diretoria de Políticas para Agricultura e Agronegócio da Seagro, Anderson Pereira, o evento levará informações para produtores e técnicos em temas que se referem à produção e comercialização de grãos do Estado, além de levantar demandas da classe produtora. “Nossa expectativa é que possamos apresentar palestras que possam auxiliar a agricultor, e também ouvir as demandas da classe produtora a fim de efetivar políticas públicas para o setor”, completa o engenheiro. 

Produção de grãos

De acordo com o 11º levantamento da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), o Estado do Tocantins desponta como maior produtor de grãos da região Norte do país, com área de 1,2 milhões de hectares, um incremento de 17% na área plantada em relação à safra 2013/ 2014. O Estado deve produzir 4,2 milhões de toneladas nesta safra 2014/2015, o equivalente a 25% a mais que na safra anterior.

A região de Gurupi (que incluí os municípios de Aliança, Peixe, Figueiropolis, Formoso do Araguaia, Lagoa da Confusão, Dueré, Pium e Sucupira) contribui com 25,6% da produção de grãos do Estado, com mais de 1,0 milhão de toneladas e área plantada de 331,9 mil hectares. A soja é a principal cultura. A região também se destaca na produção de arroz e milho.   

Programação

8h às 8h30 – Inscrição e Abertura

8h30 às 8h50 – Cooperativismo

8h50 às 9h30 – Zoneamento de Risco Climático

9h30 às 10h - Atuação da Granol no Tocantins

10h15 – 11h15 – Pragas e doenças da cultura da soja no Tocantins

11h15 – às 12h – Debate

13h30 às 14h – Cultivo da Safrinha no Tocantins

14h45 às 15h30 – Agricultura de Precisão

15h30 às 15h45 – Intervalo

15h45 às 16h15 – Uso da Aviação na Produção de Grãos

16h15 às 17h – Perspectivas para recuperação da malha viária e projetos implantados na região

17h às 17h30 – Armazenagens e Instrumento de comercialização de grãos no governo federal

17h30 às 18h - Debate