Ciência & Tecnologia

Foto: Divulgação

O governador, Marcelo Miranda, realizará nesta sexta-feira, 13, 9h, a inauguração do prédio onde estão instalados os novos laboratórios do Complexo de Ciências Agrárias (CCA) do Centro Agrotecnológico da Fundação Universidade do Tocantins (Unitins), localizado próximo ao parque da Agrotins, em Palmas. Na ocasião o governador fará a entrega de máquinas, motocicletas e equipamentos que contribuirão para o melhoramento das condições no desenvolvimento de pesquisas agropecuárias e ambientais do Estado.

Estão sendo entregues via Agetec, por meio do convênio Estruturante, duas motocicletas, uma colheitadeira, equipamentos como um pulverizador hidráulico e um fotômetro. Esses bens correspondem a um investimento no valor de R$ 135.996,00.

Na oportunidade, o governador irá também visitar o canteiro de obras, onde está sendo ampliado o Complexo de Ciências Agrárias, que ocorreu em razão da ordem de serviço expedida pelo presidente da Agetec, George Brito.

Ao todo serão construídas sete obras, sendo que três já estão em ritmo acelerado. Entre elas, o Laboratório de Agroenergia, o Alojamento e Biofábrica. O Centro foi contemplado ainda com Viveiro de mudas, Casa de vegetação, Aviário e Aprisco. A Agetec é a executora direta junto a Finep, por meio do convênio Estruturante. A obra está orçada em R$ 582.587,44.

Estruturante

As obras são resultado do Convênio Estruturante executado no Subprojeto Polo de Pesquisa Agropecuária do Tocantins (Tecnorte), por meio da Financiadora de Estudos e Projetos Finep, órgão ligado ao  Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação. O retorno dessa obra aconteceu devido à prorrogação do Convênio Estruturante, no último mês de junho, por um período de mais um ano.

O Convênio foi firmado em 2008 e tem como objetivo financiar infraestrutura nas universidades brasileiras contribuindo assim para o desenvolvimento de pesquisas científicas. Além da Unitins, o Convênio Estruturante beneficiará a Universidade Federal do Tocantins (UFT) e o Centro Universitário de Gurupi (Unirg). Até o momento estão sendo investidos cerca de R$ 8,2 milhões, sendo que mais de R$ 2 milhões são recursos próprios do Tocantins.