Meio Ambiente

Foto: Wherbert Araújo

Em decorrência do período atípico de estiagem identificado no Estado no início deste ano, a Coordenadoria de Defesa Civil Estadual está orientando os prefeitos municipais que estiverem enfrentando problemas relacionados a prejuízos em lavouras de monoculturas de soja, milho e cana-de-açúcar.

Os documentos foram publicados na página oficial (www.defesacivil.to.gov.br). Lá estão disponíveis para download os relatórios técnicos emitidos pela coordenadoria estadual, como também pelo Núcleo Estadual de Meteoroiogia e Recursos Hídricos (NEMET) da Fundação Universidade do Tocantins (Unitins).

Segundo o superintendente estadual da Defesa Civil, tenente coronel bombeiro Wesley Abreu, as orientações aos prefeitos municipais são embasadas em análise de dados técnicos observados durante monitoramento mensal da precipitação na bacia do Tocantins/Araguaia, em seguida a média histórica da precipitação e temperatura média do ar para o trimestre Fevereiro, Março e Abril -(FMA) de 2016 e por fim a tendência climatológica desse trimestre para o Brasil, destacando a tendência dos próximos meses no Estado do Tocantins. 

“Sabemos que este período é atípico em nosso Estado. Para isso, estamos buscando embasar as prefeituras sobre os mecanismos legais para buscar renegociação de dívidas decorrentes dos prejuízos, a fim de minimizar os impactos financeiros e sociais”, argumentou.

 Municípios

Orientados pela Defesa Civil Estadual sobre os procedimentos a serem tomados, os prefeitos Minerva Dicléia e Roberto Guimarães, dos municípios de Lagoa do Tocantins e Rio Sono, localizados na região do Jalapão, estiveram reunidos nesta terça-feira, 01, com a coordenadoria estadual da Defesa Civil em Palmas. Também participou de reunião, o prefeito de São Valério, Sul do Estado, João Jaime Cassoli. Durante o encontro, foram discutidos os procedimentos que os municípios devem tomar para orientar produtores rurais durante este período em que as precipitações hídricas tendem a diminuir no Estado.

Por: Redação

Tags: Defesa Civil, Wesley Abreu