Saúde

Foto: Heitor Iglesias

Frascos de vidro de maionese e café solúvel que na maioria das vezes são jogados no lixo podem ser úteis para armazenar o leite materno e atender a recém-nascidos que, por algum motivo, não conseguem amamentar da forma tradicional. Por isso, o Hospital Materno Infantil Tia Dedé, de Porto Nacional, está realizando uma campanha para arrecadar frascos.

Os vidros doados serão utilizados no novo posto de coleta que será implantado na unidade, além de auxiliar o Banco de Leite Humano do Hospital e Maternidade Dona Regina, que é parceiro do projeto.

A diretora geral da unidade, Edith Aires, ressalta que o hospital diariamente realiza ações que incentivam o aleitamento materno, com orientações e aconselhamento às mães. “Ter o posto de coleta no Tia Dedé e frascos disponíveis para armazenamento na unidade é extremamente importante porque garante a mãe internada a possibilidade de realizar a doação ainda na maternidade”, informa.

As pessoas interessadas em doar, podem procurar o setor de Serviço Social do Hospital Tia Dedé. Os recipientes arrecadados passarão por um rigoroso processo de esterilização e só depois serão utilizados.

Sobre o leite materno

O leite materno é considerado o alimento mais completo para o bebê. Nele estão contidos todas as proteínas, vitaminas, gorduras, água e outras substâncias necessárias para o completo e correto desenvolvimento. O leite contém substâncias como anticorpos e glóbulos brancos que são essenciais para proteger o bebê contra doenças.