Polí­tica

Foto: Divulgação

O último prazo para alistamento, transferência, revisão e regularização do título de eleitor encerrou nessa quarta-feira (4/5), com mais de seis mil atendimentos, nas 35 Zonas Eleitorais do Tocantins, somente ontem. Os eleitores que perderam esse prazo não poderão votar nas eleições deste ano e devem procurar o Cartório Eleitoral a partir do dia 7 de novembro, quando o cadastro eleitoral reabrirá novamente.

No Cartório de Palmas foram atendidas cerca de 1.350 pessoas, o atendimento seguiu pela noite. O estudante Eliseu Batista, compareceu ao Cartório para fazer o título de eleitor pela primeira vez, ele conta que deixou pra a última hora por pura desatenção. “Quando me lembrei que hoje era o último dia vim correndo para Cartório, estou ansioso para votar pela primeira vez”, disse.

“O Tribunal não mediu esforços para garantir o direito ao voto a todos os cidadãos tocantinenses, foram feitos atendimentos itinerantes em assentamentos, povoados e comunidades indígenas. O atendimento nas zonas eleitorais também foi reforçado com a convocação dos servidores da sede, além dos plantões no fim de semana”, ressaltou o secretário de Tecnologia da Informação, Jader Gonçalves, destacando ainda a parceria com os veículos de comunicação, imprescindíveis no chamado aos eleitores.

Caso o eleitor necessite em caráter de urgência, do título de eleitor, deve procurar o Cartório Eleitoral do Município em que está residindo atualmente e solicitar a certidão circunstanciada, na qual constará o impedimento legal para imediata regularização de sua situação eleitoral.

Se o eleitor não conseguiu transferir seu título, poderá justificar seu voto, no dia das eleições, em qualquer seção eleitoral ou em até 60 dias após as Eleições.

No caso de segunda via de título, o eleitor que está fora de seu domicílio eleitoral poderá requerer, pessoalmente, a segunda via até o dia 3 de agosto de 2016, em qualquer cartório eleitoral, esclarecendo se vai recebê-la na sua zona eleitoral ou naquela em que a requereu. Ademais, a segunda via poderá ser requerida, pessoalmente, até o dia 22 de setembro de 2016, no cartório eleitoral onde é inscrito o eleitor.