Polí­tica

Foto: Divulgação

Pesquisas qualitativas sobre o comportamento do eleitorado de Palmas para as eleições deste ano têm mostrado que, hoje, chega a 60% o índice de palmenses que ainda não decidiram em quem votar na disputa pela Prefeitura da Capital. Com foco nessa grande parcela da população, que demonstra aguardar uma opção para, então, decidir sobre o voto, o pré-candidato a prefeito Fabiano Parafusos (PRB), os também pré-candidatos Wanderlei Barbosa (SD), Luana Ribeiro (PDT) e João Campos (PSC), decidiram, ontem, 21, se unir na disputa eleitoral deste ano e definir, no grupo, quem será o candidato. Líderes de partidos políticos da Capital, como o PPS, Pros, e DEM, também participaram da decisão.

A definição do candidato será tomada a partir do resultado de uma pesquisa qualitativa, o que para Fabiano é um critério importante e que mostrará que seu nome é viável e o mais adequado ao perfil que a população quer como próximo prefeito. “O grupo está coeso e isso é muito relevante em qualquer processo como esse. Não vi vaidades, não percebi dificuldades. O que eu vi foram pessoas dispostas a encontrar o melhor candidato a prefeito para que a cidade tome outros rumos e melhores. Eu respeito todos os pré-candidatos, mas eu considero que sou a opção mais viável e acredito que a pesquisa vai mostrar isso”, disse.

A reunião selou o apoio mútuo de cada um, incluindo a parceria das lideranças que representam. Cada um dos presentes garantiu que não apoiará qualquer outro candidato a prefeito que não seja o nome escolhido pelo grupo. Juntos, os partidos reunidos têm, ainda, cerca de 50 pré-candidatos a vereador.

Perfil

Dos pré-candidatos e candidatos a prefeito de Palmas, até o momento, Fabiano Parafusos –  empresário em Palmas há quase 25 anos – é o único que não teve mandato eletivo em cargo público e que se filiou a um partido político, pela primeira vez, esse ano. “As pessoas me perguntam por que eu resolvi ‘mexer com política’ agora, se eu nunca fui político na minha vida. E eu tenho explicado que é porque eu cansei de reclamar. Eu decidi, e a minha família me apoia nisso, a fazer a minha parte nesse momento que todos os cidadãos, como eu, estão indignados. Nada muda se a gente não mudar. Eu acredito nisso”, disse Fabiano. 

Em seu perfil no Facebook, ontem, logo após a reunião, Fabiano noticiou a decisão de unidade e escreveu: “Deste grupo sai o próximo prefeito de Palmas”. A publicação (veja em: http://bit.ly/grupofabianoparafusos) recebeu interação instantânea, principalmente com mensagens de apoio e incentivo. “Para mim esse apoio, em alguns casos de pessoas que eu conheço pouco, é uma demonstração de que as pessoas querem gente como elas na política”, considerou o pré-candidato do PRB. A convenção do partido está marcada para o próximo dia 5.