Esporte

Foto: Divulgação

Neste final de semana atletas de todo Brasil reúnem-se em São Paulo/SP para a segunda edição do São Paulo Open de Judô Master, competição de alcance nacional, organizada pela Federação Paulista de Judô.

Segundo o presidente da FPJ, o ex-atleta da Seleção Brasileira, Alessandro Puglia, esse evento mostra a importância que a FPJ atribui ao judô máster de alto rendimento. "Com isso ficamos com duas competições másters de alto nível por semestre. Fazemos a Copa São Paulo e o Campeonato Paulista no primeiro e o São Paulo Open e o Campeonato Brasileiro no segundo”, explicou Puglia.

O Tocantins será representado por Felipe Guerra, que busca sua primeira medalha em nível nacional, Cássius Garíglio, que busca repetir o ouro da Copa SP no início do ano, e Fred Guerra, que está envolvido em uma das maiores rivalidades do judô máster nacional. “É verdade, eu e o Leandro Borges fizemos sete lutas decisivas nos últimos três anos. Todas as lutas empataram na pontuação, mas o desempate sempre ficou para ele”, lamentou o atleta de Palmas. “Mas este ano as coisas estão bem mais difíceis, pois temos uma categoria que já era muito disputada e agora tem dois novos concorrentes que são nada menos do que campeões mundiais, o Leandro Salomão e o Vlamir Dias!”, contou Guerra.

Uma baixa na equipe Guerra/Sesi que tem competido para este evento é Clayton Souza. O atual medalhista no Campeonato Brasileiro e vice-campeão da Copa SP preferiu se poupar para tratar uma lesão no joelho. “A vontade de acompanhar os colegas é grande, mas o joelho é muito exigido em uma competição de judô. Vou focar na recuperação total para estar bem no Brasileiro, que acontecerá em novembro”, disse Clayton.

A Equipe Judô Guerra/Sesi conta com o apoio do Programa Atleta do Futuro/Sesi, da Wizard Palmas, Academia Personal Trainer e Turim Palace Hotel.

Confira os detalhes da competição do dia 10/09:

- Fred Guerra, M3-66kg

- Felipe Guerra, M4-73kg

- Cássius Garíglio, M4-81kg.